obssessaosecreta

Fala terráqueos como vão vcs??? Eu tô legal… Mais uma sexta-feira pra conta? Ainda não Shao, ainda são sete da manhã ainda tô indo pro trabalho. É… eu também… muito provavelmente estou neste momento a caminho do trabalho… sete horas geralmente eu saio de casa para sair para o trampo, eu chego lá por volta das sete e meia, vinte para as oito… Assim sendo, se nenhum imprevisto acontecer eu devo neste exato momento estar a caminho do trabalho.

Mas no final do dia de vcs (e eu espero que do meu também) quando encerrarem essa semana de trabalho vcs terão aqui neste pequeno e imemorável blogue três dicas de filmes para animar o final de sexta de vcs, ou em qualquer outro dia deste final de semana… vcs decidem. E o primeiro filme desta sexta-feira é uma produção original da Netflix chamada “Obsessão Secreta”.

Primeira coisa que vcs precisam saber é que é um filme de suspense ou um terror psicológico… E a história do filme da Netflix é mais ou menos assim: Filme começa já com aquele clima de correria e tensão. Tá chovendo, tá de noite, daí temos uma mulher que ainda não conhecemos, que tá meio desesperada, fugindo… não sabemos do quê ou de quem… e então para escapar do que quer que a esteja perseguindo ela sai correndo para o meio da rua e POW é atropelada por um carro que vinha passando na estrada em frente à sua casa.

Corta a cena e a mulher aparece já no hospital. E então ela e os médicos percebem que além das diversas escoriações que sofreu no acidente ela perdeu a memória, ela não se lembra do próprio nome, nem de nada da sua vida. Então um rapaz aparece do nada, e diz se chamar Russel e que é o marido dela. Ele conta pra ela que o nome dela é Jennifer, que os pais dela morreram tem dois anos num incêndio e que ela largou o emprego tem pouco tempo e que ela não fala mais com os amigos desde que perdeu os pais. Jennifer fica chocada com essas notícias e logo de cara ela acha a história do tal de Russel muito estranha… mas ele mostra fotos deles juntos, e acaba convencendo a moça que está falando a verdade.

Paralelamente a isso, temos a figura do policial atormentado pela perda da filha que está investigando o caso do acidente de Jennifer. Ele é o primeiro a duvidar da história contada por Russel e ele continua investigando o caso de Jennifer. Depois de um tempo no hospital Jennifer é liberada para ir para casa e quando Russel a leva para casa… pasmem… a casa fica no meio do nada. Não tem telefone, não pega sinal de celular nada… E ela tá lá toda quebrada, de cadeira de rodas, numa casa isolada…

Sem muita coisa o que fazer durante o dia Jennifer começa a tentar relembrar de algumas coisas e conforme ela vai mexendo nas coisas em casa ela começa a ter flashbacks da noite em que ela sofreu o acidente. Passa-se mais um tempo e ela começa a reparar que Russel tem umas atitudes estranhas. Mais um tempo se passa e ela começa a perceber que além de agir estranho Russel a mantem trancada em casa e que as fotos que ele apresentou para ela e todas as demais fotos da casa parece que foram alteradas de alguma forma.

E então… não… eu não vou contar mais o que acontece daqui para frente porque o filme é deveras recente e eu não quero dar spoiler. É um filme bom, não é extraordinário, se vc tá acostumado a assistir filme de suspense vc vai conseguir descobrir o que está acontecendo antes do final… Entretanto é um filme bacaninha de suspense. E eu recomendo… uma hora e meia de diversão nesse final de semana para vcs.

Vou terminando este post por aqui… Espero que vcs tenham curtido o texto de hoje. Caso tenham gostado, deixem um comentário. Bora interagir. Se vc tem um blogue também deixe aí o seu link para eu conhecer seu trabalho. É sempre bacana conhecer o trabalho de outros escritores e fazer novos amigos. E eu acho que é isso aí, amanhã como sempre estaremos de volta com mais uma postagem.

Abraços, Shao