A Fantástica Fábrica de Chocolate

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Terceiro filme do dia, para encerrar com chave de ouro, bora de filme antigo? Um clássico!!! Vamos falar agora de “A Fantástica Fábrica de Chocolate” filme de 1971 com Gene Wilder no papel do doidão dono de uma fábrica de chocolate chamado Willy Wonka! Caso vcs não saibam, esse filme, que hoje é um clássico, foi baseado num livro infantil homônimo de 1964 do escritor Roald Dahl.

Na época do lançamento, o filme, que teve um orçamento de três milhões de dólares, não alcançou sucesso de público na época apesar das críticas positivas. Entretanto, por conta do filme ter se tornado um culto, ele foi relançado em 1996 e ganhou cerca de 21 milhões de dólares. Na época ainda ele foi indicado para o Oscar de melhor trilha sonora e Gene Wilder ganhou uma indicação para o globo de ouro de melhor ator.

Eu, acredito que todo mundo deva ter visto este filme pelo menos uma vez na vida, porque ele passou pra caramba na Globo em vários horários, especialmente na sessão da tarde. Vamos falar um tantinho então da história do filme… que é mais ou menos assim: Willy Wonka, o dono doidão de uma das maiores fábricas de chocolate do mundo resolve pela primeira vez em muitos anos abrir sua fábrica de chocolate para visitação. Para tal… ele faz uma promoção (que faz com que ele venda chocolates para caramba hahahaha) onde em cinco barras de chocolate existem uns cupons dourados e quem encontrar um dos cinco bilhetes dourados poderá fazer um passeio pela sua fábrica, acompanhada de um familiar para conhecer todas as instalações e no final ganhar um fornecimento vitalício de chocolates. Então cinco crianças encontram os cupons e vão com seus pais visitar a fábrica. Entre elas está Charlie Bucket, um garoto pobre que mora com os pais e os quatro avós e é apaixonado pela fábrica e por chocolates.

Como eu já disse, esse filme é um clássico cult do cinema e em 2005 a dupla Tim Burton e Johnny Depp trouxeram um remake da história que ganhou ares mais mórbidos e estranhos… mas, disso nós vamos falar numa outra postagem. Espero que vcs tirem um tempinho para ver, ou rever este filme porque ele é bem bacana.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao