strangled

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Segundo filme do dia… Mais uma vez eu estava navegando pelos filmes disponíveis no PopcornTime e dei de cara com esse filme que eu sequer sabia da existência e pensei… Hum… vamos ver que filme é esse. Geralmente quando a gente faz isso, pode descobrir filmes muito bons e pode também ver uns filmes bem imbecis… Mais vezes que eu gostaria, eu dei de cara com filmes imbecis.

Este filme especificamente… eu não sei exatamente se ele é bom ou ruim… eu ainda estou tentando me decidir.  Talvez porque não seja um filme norte americano, é um filme Húngaro e a gente tá tão acostumado com a linguagem americana que quando a gente se depara com outras escolas de cinema a gente estranha mesmo. Meus irmãos mandaram eu assistir um filme francês que tinha na Netflix, e apesar do filme ser bacana, da história ser bacana eu confesso que me causou um estranhamento a forma como a história é contada. Com esse filme não foi diferente.

A história do filme é mais ou menos assim… Uma moça aparece estuprada e morta na cidade de Martfü na Hungria no final dos anos 50, começo dos anos 60. E um rapaz que trabalhava com ela e estava apaixonado por ela é acusado de ser o assassino/estuprador da moça. E de outras mulheres que aparecem mortas da mesma forma. Ele é preso e torturado na cadeia… depois de horas infinitas de tortura ele acaba confessando todos os crimes mesmo não tendo culpa. Ele então é julgado, condenado e vai preso numa penitenciária onde todos os dias ele é espancado e estuprado… até que ele não aguenta mais e tenta cometer suicídio.

Ele fica preso por vários anos, a família dele luta para tentar provar que ele é inocente e tirar ele da cadeia, mas eles não tem sucesso. Até que… mesmo ele estando preso, várias outras mulheres começam a aparecerem mortas com as mesmas características das mortes das quais o cara foi acusado e um jovem policial começa a se perguntar se o cara que está preso seria realmente o serial killer ou se ele teria sido condenado injustamente como ele sempre alegou.

O filme é baseado num crime real que aconteceu mesmo. E o policial então começa a investigar os novos crimes, bem como investigar os crimes anteriores e investigar a própria polícia para descobrir onde aconteceu o erro… se foi no julgamento, nas investigações, no interrogatório. E as investigações desse policial podem abalar as estruturas políticas da polícia húngara bem como colocar a sua própria vida em risco. O filme é pesado… de novo… se vc tem estômago fraco, não é um filme para vc. De novo, não é um filme comum, é uma forma diferente da hollywoodiana de filmar então não sei se é um filme indicado para quem curte os blockbusters americanos. Mas eu achei interessante… 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Anúncios