123456

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… O post de hoje vai ser um tanto quanto curto porque eu tô bem sem tempo, eu tenho um monte de coisas para fazer e também… como o tema do texto de hoje é um documentário, e eu não quero dar muitos spoilers.

Como vcs sabem e eu já comentei aqui algumas vezes, eu ando assistindo bastantes documentários e o documentário que eu assisti essa semana foi “Operação Nenúfar – O Caso Asunta”. Para quem curte documentários de “True Crime” e casos difíceis, confusos e que apesar de terem anos e anos de investigação ele ainda continua suscitando curiosidade nas pessoas porque as coisas não ficaram bem esclarecidas… esta é uma série para vcs.

Então, vamos por partes… o caso aconteceu nem faz tanto tempo assim, foi em 2013 na Espanha. A menina Asunta Bastero Porto foi encontrada morta numa área escura e não muito movimentada na região de La Corunã na Espanha. Logo de cara não havia suspeitos e pouco tempo depois… alguns dias depois do corpo da menina ter sido encontrado primeiramente a mãe e depois o pai da menina foram considerados suspeitos e foram presos pela polícia espanhola.

58

Asunta era uma criança de origem asiática que havia sido, quando bem pequena, com um ano de idade, se bem me lembro, adotada pelo casal espanhol formado pelo jornalista Alfonso Basterra e pela advogada Rosário Porto. Depois da autópsia determinaram-se algumas coisas… Primeiro, a menina não foi abusada sexualmente. Segundo, a menina foi morta por asfixia. Terceiro, haviam drogas legais, calmantes no sangue da menina e os exames toxicológicos mostraram que ela vinha tomando essa remédio há mais de um ano. Quarto… os depoimentos dos pais estavam cheios de contradições. 

Na época o caso foi massivamente coberto pela imprensa e os pais da menina foram, mesmo antes de serem julgados, condenados pela opinião popular. Quando o casal foi julgado… eles foram considerados culpados pela morte da menina. E até hoje tanto Rosário quanto Alfonso negam veementemente terem praticado algum mal à filha e procuram provar sua inocência. Na época do julgamento o promotor pediu 18 anos de pena para o casal, enquanto a opinião popular pede a pena máxima que é de 20 anos na Espanha.

Na série vc pode ver, e julgar por si só se vc acha que os pais são culpados ou são inocentes. Eu assisti todos os episódios duas vezes, na primeira vez eu achei que os pais não tinham culpa e que as provas apresentadas eram bastante circunstanciais, mas… na segunda vez a pulga já me estava atrás da orelha e eu posso dizer que realmente se eu estivesse entre os policiais que estavam investigando o caso, prestando mais atenção a alguns detalhes, eu também ficaria desconfiada dos pais.

Então, se vcs curtem True Crime essa é uma série bem bacana para se acompanhar, tá disponível no Netflix. E a série me parece ser bem isenta… ela apresenta todos os lados, ela não pende para o lado da defesa dos pais e nem para o lado da acusação. A verdade é que em se tratando deste tipo de crime, quando não há confissão dos réus… a gente nunca vai saber exatamente o que aconteceu com a criança. De qualquer forma eu recomendo pra caramba essa série documental para vcs caso vcs curtam este tipo de conteúdo.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao