dracula

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Terceiro livro do ano… faz tempo né? HAHAHAHAHA este ano tá um fiasco com relação à leitura. Falta de tempo… não que eu não esteja lendo, eu tô lendo coisa pra caramba… mas eu tô estudando então minhas leituras estão focadas em matérias para concurso por conseguinte eu tenho deixado de lado outras leituras para depois…

Claro que  de vez em quando a gente tem que tirar uma folguinha das leituras sérias até mesmo para dar uma descansada na cabeça e pra não ficar totalmente sem ler nada a gente enfia uns livrinhos fininhos na Meta de Leitura, aqueles que a gente lê em uma, ou duas horas… é o caso do livro de hoje. Porque ele definitivamente não estava na meta de leitura para esse ano. É um daqueles livros que a gente pensa… um dia eu paro para ler… Então eu estava esperando para ser atendida na UBS e estava demorando, então eu saquei o celular e ele estava entre alguns livros do Kindle que estava baixado no celular… e eu li o dando na uma hora e meia que eu fiquei lá esperando a minha vez.

O livro “Drácula” de Bram Stoker hoje é um clássico do terror… mas quando ele foi lançado ele não fez tanto sucesso por incrível que pareça. Ele conta a história clássica… do Conde Drácula. Todo mundo meio que conhece a história porque teve diversas adaptações para o cinema… a verdade é que o livro só fez sucesso de verdade após a primeira vez que a história foi para o cinema com o filme “Nosferatu” não exatamente por conta do filme… mas por conta de uma disputa entre a viúva de Bram Stoker e os escritores e produtores do filme… Enfim, o cinema é mais responsável pelo sucesso do livro que o contrário…

Eu nem vou comentar muito sobre a história porque né? Todo mundo tem uma ideia de como é, do que acontece e como termina… Agora, se vcs quiserem ter contato com o retrato ‘original’ do Conde Drácula, é uma leitura obrigatória. Tenha em mente entretanto que a ideia que fazemos hoje do mestre de todos os vampiros é um tanto quanto diferente do que o livro descreve… a cultura pop influenciou e mudou muito a imagem do Drácula criado por Bram Stoker… que por sua vez, diz a lenda, foi inspirado na vida de Vlad o Impalador (se vcs quiserem saber mais sobre ele pesquisem… eu tô sem tempo de pesquisar e hoje eu não vou falar dele… mas tem bastante coisa na internet). Mas, assim o livro é muito legal, é muito bacana e eu recomendo para caramba ele para vcs.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao