passageiro

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Bom, hoje é domingo, é aquele dia de a gente filosofar um pouquinho sobre coisas da vida, ou sobre qualquer coisa… Shao por que domingo hein? Porque domingo é o dia mais contemplativo da semana. Só por isso… não tem mais nada de especial hahahaha…

Então, eu nem vou enrolar muito beleza? Bora pro tema do texto de hoje. Eu li uma frase uns tempos atrás que era mais ou menos isso ” Um dia seremos apenas um retrato na estante de alguém, depois nem isso…” eu não sei quem escreveu esta frase, eu procurei brevemente pela internet e não descobri o autor da frase… aparecem diversos ‘autores’. Mas de qualquer forma isso me deixou meio que pensando…

É verdade… tudo nessa vida é tão passageiro… eu não gosto tanto dessa palavra “passageiro” porque tem sempre aquele trocadilho engraçadinho “tudo na vida é passageiro, menos o cobrador e o motorista” dã… Eu prefiro a palavra “efêmero” porque… não sei… porque o significado é o mesmo e a sonoridade da palavra é mais bacana, pelo menos eu acho. Mas, voltando a falar com seriedade. Tudo mesmo nessa vida é finito, tudo um dia acaba, até nós mesmos somos efêmeros, somos finitos.

A gente passa por essa vida, a gente deixa nossa marca nas pessoas (seja ela boa ou má), a gente trabalha, a gente fica doente, a gente… enfim… vive… depois a gente morre. Quer a gente queira quer não. Quer a gente tenha medo da morte ou não… ela um dia chega pra gente. A morte é a única certeza da vida. E olha eu conheço um monte de gente que morre de medo de morrer. Nossa, essa frase ficou estranha hahahahaa tipo, morre de medo de morrer… Enfim… a gente morre.

E morrer, para mim pelo menos, nunca foi uma coisa assustadora. Afinal, a morte é a única certeza na vida não é mesmo? Mas tem gente que tem muito medo mesmo. Mas não é disso que eu quero falar. A gente estava falando da frase… O que a frase quer dizer é que… depois que partirmos nós vamos nos tornar apenas uma lembrança na memória das pessoas que conviveram conosco e que nos amaram, a parte que diz ‘seremos apenas uma imagem num porta-retratos’ quer dizer exatamente isto, que depois que partirmos desta terra seremos apenas uma memória, seremos passageiros no coração das pessoas que nos amaram.

E quando essas pessoas, que nos conheceram e que nos amou partirem… não seremos nem isso… porque quando essas pessoas se forem a sua foto lá na estante, no porta-retrato vai deixar de ser importante… para quem não te conheceu, ela não vai ter valor nenhum. Claro que algumas pessoas… irão fazer coisas notáveis nas suas vidas, criar obras de arte atemporais, fazerem descobertas importantes para a humanidade e tal… mas a grande maioria de nós mortais não… nós só vamos ser importantes para as pessoas que nos cercam, que fazem parte da nossa vida, do nosso cotidiano, e que nos amaram quando estávamos por aqui. Por isso que a gente tem que aproveitar o pouco tempo que a gente tem por aqui… porque tudo passa… até uva passa… (desculpa… eu não resisti hahahaaha).

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao