morte

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Hoje é domingo e domingo é aquele dia contemplativo que a gente fica pensando na vida (eu fico pelo menos) e a gente fica se perguntando um monte de coisas… todas aquelas perguntas filosóficas e por isso eu escolhi o domingo para ser o dia que eu ia postar esses textos onde tem umas questões, nem sempre tem respostas… só… pensamentos sabe? 

Muitos desses textos nascem depois de eu ler alguma coisa, ou de alguma conversa que eu tive com meus irmãos ou com meus amigos. Ou de alguma coisa que eu li na internet, num livro, nalgum lugar e me despertou alguma curiosidade sobre o tema, ou me fez pensar um pouco mais sobre aquilo. E desta vez… eu comecei a pensar no tema desse post depois de ler uma postagem num site.

Tem um blogue na internet que posta semanalmente. É um blogue chamado Post Secret para onde as pessoas mandam cartões postais com seus segredos anonimamente e o cara publica no blogue… essas postagens viraram livros, e viraram palestras e hoje em dia é um trabalho que ajuda pessoas deprimidas a lidarem com suas depressões e é tipo uma linha de ajuda mesmo contra suicídios inclusive. E lá vc encontra um monte de postagens das mais variadas e esses dias eu li uma postagem que dizia mais ou menos assim (em tradução livre) “Eu acho que eu sou o oposto de um suicida… Eu me sinto tão morto… e eu quero estar vivo!” (clique no link para ir para a imagem original).

E eu parei para pensar nessa coisa de… nossa, como tem gente que se sente assim na vida né? Andando morto pela vida… como um zumbi. Metaforicamente falando. A gente acorda, faz as coisas que tem que fazer mas… a gente tá zumbizando pela vida. E eu falo por mim mesma também… tem vários dias que eu acordo e faço tudo o que eu tenho que fazer eu ‘sigo o plano’ (as coisas que eu tinha planejado fazer pra aquele dia) mas eu tô só fazendo as coisas que eu tenho que fazer… a gente se sente meio morto-vivo mesmo…

 

104088_Papel-de-Parede-Sozinho-no-Oceano_1600x1200

E quando a gente tá nesses dias a gente se sente meio solitário, como se fôssemos os únicos no mundo a estarmos no sentindo desanimados e desestimulados… meio que sobrevivendo ao nosso dia a dia… e então vc se depara com uma postagem como essa e vc vê que não é bem assim… que todo mundo tem esses altos e baixos… e que tem muita gente no mundo se sentindo assim também. E muitas vezes a gente se deixa levar por esses sentimentos, e a gente esquece de olhar para as coisas boas, ficamos focados nesse desânimo e nos esquecemos que está em nós mesmos a capacidade de mudar isso.

Como diz a passagem da bíblia que eu coloquei na imagem aqui acima. Enquanto estamos vivos, temos que fazer o que estiver ao nosso alcance para fazer o melhor possível das coisas que acontecem e que queremos que aconteçam na nossa vida. Porque a morte é a única certeza da vida e quando ela vier (e ela vem…) aí não dá para fazer mais nada mesmo. E às vezes a morte vem bem antes do que esperávamos, então… não é legal deixarmos as coisas para lá… para depois… e ficarmos nos lamentando pelas coisas não serem ou não estarem do jeito que gostaríamos que estivessem. Se queremos que as coisas sejam diferentes… temos que fazer alguma coisa para mudarmos isso e não apenas ficarmos zumbizando pela vida certo? Eu tenho tentado fazer a minha parte pra mudar umas coisas na minha vida… e vcs?

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao