sonhei

Fala galera beleza??? Beleza??? Espero que vcs estejam bem!!! Eu tô legal… hoje aqui para mim é sábado… Eu sei que para vcs é terça, mas eu estou escrevendo no sábado porque nas atuais conjunturas da minha vida eu só tenho tempo e ânimo para escrever nos finais de semana, eu tento escrever pelo menos seis ou sete posts para manter a média dos trinta posts agendados, nem sempre eu consigo.

Hoje por exemplo, se eu quisesse ficar a semana que vem toda sem precisar escrever. Eu teria que escrever entre sete e oito posts… coisa pra caramba, não sei se eu vou conseguir… Já vou ficar feliz se eu conseguir entre quatro e seis.

Essa semana foi cansativa para um caramba (produtiva porém cansativa), ontem quando eu terminei de fazer tudo o que eu tinha para fazer, quando terminou o meu dia eu estava cansada para caramba. Eu queria ter ido dormir mais cedo mais não deu. Mas sabe aquele dia que vc deita na cama e vc tá esgotada? Pois é… este dia foi ontem… eu deitei na cama eram umas dez da noite (o que para mim é relativamente cedo pois geralmente eu vou dormir meia noite e meia uma da manhã) e tudo em mim doía… aquele cansaço imensurável.

Eu achei que eu fosse deitar na cama e apagar. Pensei, não vou nem sonhar com nada esta noite. Vou apagar e acordar, com a ajuda de Deus, descansada amanhã e vou fazer isso e aquilo. Mas, infelizmente para mim, minha cabeça aparentemente não desliga nunca… Eu resolvo problemas, enquanto eu durmo e eu sempre sonho alguma coisa. SEMPRE. Eu não me lembro de nunca ter sonhado nada enquanto eu dormir…

E pior ainda, como eu já comentei aqui, eu tenho sonhos recorrentes, eu sonho direto com a minha mãe quando eu estou com muita saudades dela. E diferentemente dos meus irmãos que ficam contentes em sonhar com ela eu fico extremamente triste e de mau humor durante uns dias. Não que eu não goste de sonhar com ela eu até gosto, acho que é a única forma de matar a saudades de alguém que a gente amava muito e se foi. Mas, a sensação de confusão que vem assim que eu acordo… eu não sei o que é verdade o que é mentira, se a verdade é que ela não morreu, eu apenas sonhei que ela tinha morrido… ou se é o contrário. E é sempre o contrário e então parece que a pessoa morreu novamente sabe? É estranho… é péssimo, eu detesto essa sensação.

Eu li um post na internet… sobre o luto… (cliquem aqui para ler o texto completo também, é bem bacana) e um trecho do texto falava assim: “Perder quem amamos é morrer um pouco, mesmo que o coração insista em bater. O luto nos torna um lugar ruim. Queremos fugir de nós mesmos, emprestar outra vida, perder a memória, trocar de papel. Qualquer coisa que nos tire a dor com a mão, que nos salve do horror de sentir que alguém foi amputado de nós. Não há alívio imediato.” E é bem isso que a gente sente mesmo… todos os dias… uns dias mais uns dias menos…

Mas caraca Shao já faz tanto tempo e ainda vc fica assim… ainda… eu me pergunto se algum dia ainda vai melhorar. Eu li muita coisa sobre luto e perda. Tentando entender e melhorar e uma coisa que aparece sempre é que cada um tem o seu tempo, sejam dias, meses, anos… cada um vive o luto de forma diferente. Eu não sei quanto tempo vai levar para eu sair desse luto… às vezes parece que são dois passos para frente e três para trás… o fato é eu estou melhor hoje do que eu estava ontem e espero estar melhor amanhã.

Vou terminando este post por aqui. Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Anúncios