ogrito

Fala terráqueos, como vão vcs… eu tô legal, uma dor de cabeça persistente, mas ela é condizente com as atuais conjunturas, eu ando preocupada com um monte de coisa, um monte de coisa para fazer, eu vou dormir e fico sonhando que eu tô fazendo as coisas, resolvendo pepinos e acaba que eu não durmo direito e acordo cansada e com dor de cabeça. Fora isso tem uma gripe chata querendo me pegar faz umas três semanas, eu tô tentando enganar ela com vitamina C daquelas efervescentes mas uma hora ela vai me pegar, tenho certeza hahahahaha.

Eu ando bem sem tempo, mas eu estou tentando ao máximo deixar posts agendados aqui com antecedência de mais de trinta dias para não ficar sem posts aqui no blogue, talvez eu tenha que dar uma parada nas postagens para focar em outras coisas por isso que todo tempinho que eu tenho livre eu tento deixar um ou dois posts agendados porque se eu tiver que realmente ficar um tempo sem escrever não vai ficar sem postagem.

Bom, mas como sempre nem era disso que eu queria falar. O Post de hoje é bem rapidinho, é sobre filme velho, vcs sabem, eu curto ver ou rever filme velho de vez em quando. É legal vc pegar um filme que vc já assistiu e ver novamente, vc acaba reparando coisas que vc não tinha reparado na primeira vez. é como ler novamente um livro. Sempre vc faz novas descobertas porque vc mudou, vc não é mais aquela pessoa que leu aquele livro da primeira vez. Com filme de terror é uma coisa mais engraçada ainda porque com filme de terror… geralmente da primeira vez que vc assiste vc toma um monte de sustos e da segunda vez vc já não se assusta e consegue reparar melhor nas coisas…

Eu já comentei aqui, mas às vezes vc assiste um filme quando vc é criança e morre de medo do filme e quando vc cresce assiste novamente aquele filme e se pergunta, mas por que raios eu tinha medo dessa bagaça? Isso aconteceu comigo com filmes como “O Exorcista” e “Bala de Prata”. Meu irmão Carlos tinha medo de um filme trash dos anos oitenta chamado “O Beijo Maldito” (um dia eu ainda vou fazer uma resenha deste filme… é muito comédia) depois ele assistiu  novamente depois de adulto eu consegui encontrar o filme para download e assistimos juntos e a reação dele foi justamente essa “Por que eu tinha medo dessa merda?” HAHAHAHAHAHAHA.

E o filme velho de hoje é… “O Grito” de 2004, um remake de um filme de terror japonês que apesar do sucesso de bilheteria, foi o sucesso do terror daquele ano, foi também criticado para caramba. É considerado até hoje um filme péssimo, uma adaptação pífia do original. Eu não fui assistir no cinema… na época, eu esperei o filme sair em DVD e aluguei na locadora (sim crianças, a gente antigamente, no período paleolítico ia na locadora alugava um DVD para assistir e devolvia uns dias depois) e fui assistir à noite com meus irmãos hahahahaha. Eu já disse que uma das maiores diversões de assistir filme de terror é assistir com quem toma susto e tem medo, e meus irmãos são assim, um toma susto fácil pra caramba e o outro morre de medo de filme de terror então eu nem preciso dizer para vcs o quão divertido foi hahahaha.

Então… bora resuminho básico do filme. A personagem principal… Karen Davis (interpretada pela atriz Sarah Michelle Gellar – a eterna Buffy) é uma jovem americana que está em Tóquio, Japão, fazendo um intercâmbio cultural para conseguir créditos para a faculdade. Como parte do seu trabalho ela é contratada  como cuidadora de uma senhora idosa. Essa senhorinha morava sozinha, mas então ela começa a demonstrar alguns problemas mentais e dificuldade de se comunicar. E estando lá na casa para cuidar da velhinha, Karen começa a ver coisas estranhas acontecendo e ela começa a desconfiar que a véia tem alguma coisa a ver com esses acontecimentos estranhos. Ela começa a investigar o porque desses estranhos acontecimentos, então ela descobre que mãe e filho mortos na casa, viraram fantasmas que direcionam a sua fúria para toda e qualquer pessoa que pisam na casa e então ela vê sua vida em risco porque ela sem querer entrou na casa amaldiçoada!!!!

Daí vc lê uma descrição dessas e pensa que é uma temática interessante, que é uma premissa interessante… e adicione a isso os sustos e partes de terror, e uma artista famosa. Tinha tudo para ser um filme muito legal né? Pois é… mas foi um filme bem meia boca, eu não me assustei nenhuma vez, e a cena mais aterrorizante do filme para mim foi quando a mocinha estava no chuveiro tomando banho e lavando o cabelo e sai uns dedos de morto de dentro da cabeça dela… tipo um cafuné de satanás… medo eterno. Tem anda pior que capeta atacar vc no banheiro enquanto vc tá tomando banho… Pior que o capeta te atacar nessa situação é se uma barata voadora te atacar nessa situação. Satanás a gente até encara a barata a gente sai correndo pelada pela casa gritando e pagando mico eterno!

Vou terminando este post por aqui. Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Advertisements