missao

Fala terráqueos, como vão vcs??? Eu tô legal… atarefada, mas legal… Vcs estão lendo este post bem depois do Carnaval, mas eu estou escrevendo bem antes do Carnaval e eu detesto Carnaval, a festa em si… acho uma coisa horrenda, eu entendo que traz turistas e dá emprego e movimenta o país e tal… mas eu não curto. Só tem uma coisa que eu curto no Carnaval e é ele ser feriado. Numa época extremamente atribulada no trabalho é bom ter uns dias off para descansar. Mas é só isso mesmo que eu curto no Carnaval.

Mas, como sempre nem era disso que eu queria falar, eu estava pensando na vida esses dias. A gente vai ficando mais velho e vai ficando mais contemplativo… não que eu já não fosse uma pessoa contemplativa. Eu penso muito nas coisas, eu penso 500 vezes antes de tomar uma decisão eu peso as consequências e tudo mais, minha mãe dizia que eu penso demais que eu precisava ser mais impulsiva. Eu não sou… mas conforme a gente chega a certa idade eu acho que a gente fica mais e mais reticente em ser impulsivo. A gente pensa mais nas coisas e na vida em si.

E eu estava pensando na vida outro dia e eu me lembrei que quando eu era bem adolescente, eu ouvi alguém dizendo (deve ter sido uma freira do colégio de freiras que eu estudava então) que todo mundo tem uma missão nesta terra. Sim… porque tem gente que acredita piamente neste conceito de que todos viemos para essa terra com uma missão! E eu me perguntei naquele momento. Será que temos mesmo? E se temos… Qual será a minha missão nessa terra?

Eu não sabia, mas eu acreditava que em algum momento, eu iria descobrir. Eu ia ter uma epifania e descobrir o porque da minha vinda para este planetinha azul. Apesar de quê eu sempre fui de questionar muito as coisas, eu sou até hoje… e eu sempre pensei. Se a gente vem para essa terra com uma missão, quem determina a missão devia mandar a gente meio que com um manual de instruções né? Olha… a sua missão é essa, essa e essa… vc vai para lá e vc vai fazer isso, isso e mais isso e aí sua missão tá cumprida aí a gente resgata vc de lá, beleza? Beleza!

Infelizmente não é assim… partindo do pressuposto que sim, todos nós temos uma missão na face da terra. Funciona assim, primeiro temos que descobrir qual é a diaba da missão, depois temos que cumprir a missão e só então seremos resgatados hahahahahha.

Brincadeiras à parte… todo mundo já deve ter se feito as perguntas filosóficas mais complicadas de se responder ever. Quem sou? Onde Estou? Para onde vou? E suas derivadas. Deus existe? O que eu vim fazer aqui? Qual a minha missão nessa terra? Estamos aqui de passagem? Os alienígenas nos colocaram aqui… não, essa a gente não se pergunta quem se pergunta isso são os caras do programa do History Channel o “Alienígenas do Passado” (amo esse programa, é muito engraçado cara).

A verdade é que o ser humano sempre está buscando sentido nas coisas. Grandiosidade nas coisas. Somos um imenso nada… mas gostamos de pensar que somos algo, que tem um ‘bem maior’ um ‘poder superior’ controlando tudo e todos e que somos uma peça importante na grande engrenagem do Universo.

Porque pensar de forma diferente, é meio desesperador. Imagina… vc veio aqui do nada, para nada… seu sofrimento todo na vida é porque sim… e mais nada! É desesperador esse pensamento. O ser humano precisa de uma razão qualquer, de um motivo mesmo que intangível que lhe diga o contrário. Que existe um porquê para tudo, que… vc pode não entender agora mas vc vai entender mais adiante.

O ser humano não precisa na verdade do motivo, da razão… ele precisa da esperança que é a força motriz que nos impulsiona sempre adiante. Caso contrário ficaríamos parados, estagnados e deprimidos. Eu sou cristã, então eu acredito em vir aqui e seguir o exemplo de Cristo e ser o melhor possível com os demais seres humanos e crescer espiritualmente. Mas cada pessoa acredita no que quiser no que bem entender.

Tem gente que escolheu não acreditar em nada. Acreditar no acaso e que a gente veio nessa vida para viver uma vez só e depois já era e por isso mesmo temos que ser felizes o mais possível enquanto estivermos aqui. Tem gente que acredita que esta terra é apenas uma estação, onde estamos de passagem para podermos evoluir nossos espíritos.

E tem gente que acredita que somos o resultado de uma experiência genética alienígena hahahahahaha (eu preciso parar de assistir esse programa dos Alienígenas… sério!).

Mas então Shao? A gente tem mesmo uma missão nessa terra? Se sim qual a sua??? Olha… eu me encontro aos quarenta anos de idade na mesma situação que eu me encontrava aos doze… Se a gente tem mesmo uma missão (eu não sei) eu ainda não sei qual a minha… Como eu disse eu tento ser uma boa pessoa, uma pessoa um pouquinho melhor a cada dia… nem sempre eu consigo. Eu sou humana. Todos somos. E às vezes eu sinto que na vida eu estou sempre andando um passo para frente e dois passos para trás na busca dos meus objetivos.

Mas se tem uma coisa que eu aprendi dando cabeçadas por aí é que… a vida continua. O sol sempre nasce no dia seguinte. Independente de qualquer coisa. Não importa se vc está feliz ou triste, se vc é bem sucedido ou não. Se vc sabe ou não sua missão na terra… se vc apenas escolheu uma e está tentando cumpri-la da melhor forma possível… a vida continua sempre, ela vai continuar para as demais pessoas mesmo quando a gente não estiver mais por aqui… Então… bora fazer que nem a Dori né?

Resultado de imagem para dory gif just keep swimming

Vou terminando este post por aqui. Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Anúncios