E aí terráqueos, beleza??? Eu tô atrasada pra caramba em tudo como sempre mas eu não tô com pressa de vencer este atraso, sinceramente eu tô morrendo de preguiça e tô pensando seriamente em largar de mão algumas coisas. Minha vida no momento está em compasso de espera. Aconteceram umas coisas, que por hora não vem ao caso mencionar, mas que pode causar uma revolução imensa na minha vida e mudar muitas coisas entonces…  eu preciso aguardar uns dias, ver o que vai rolar pra decidir um monte de coisas e enquanto isso eu só posso esperar e enquanto eu espero eu tô de verdade sem vontade de dar continuidade em alguns projetos que eu tenho em andamento. E outros que eu planejava iniciar agora no final do ano.

Infelizmente para a galera que gosta de ler meus blogues, alguns dos projetos que talvez eu tenha que abandonar são justamente meus dois blogues. Ou um deles… o de contos pelo menos. Mas isso vai depender dessa coisa que eu estou esperando para ver se vai acontecer ou não… muitas coisas estão na dependência desta coisa e… (nossa Shao, que mistério… fala logo… ). Desculpa, não posso… só vou falar alguma coisa quando eu tiver certeza. Enquanto isso não vou poder decidir nada… mas eu prometo que assim que eu tiver a certeza eu posto aqui para vocês quais projetos continuam, quais não… e tudo mais.  

Cada um sabe da sua vida né? Tem dois ditados… que dizem coisas diferentes mas que querem dizer a mesma coisa. Um diz assim: “Todo Mundo vê as pingas que eu bebo mas não vê os tombos que eu tomo” e o outro que é mais bíblico diz: “Todo mundo vê o Maná que eu como, mas não vê o deserto que eu atravesso.” E é mais ou menos isso… todo mundo vê as coisas boas que acontecem na sua vida mas não vê as dificuldades que vc enfrenta. Todo mundo tem seus altos e baixos na vida…

Esses dias, essa semana para ser mais específica, eu finalmente peguei o meu Diploma de Bacharel em Direito… depois de seis anos que eu terminei a faculdade. E quando eu peguei esse papelzinho na mão, passou um filme na minha cabeça de todas as dificuldades que eu tive que enfrentar para conseguir, pagar a faculdade, assistir as aulas cansada pra caramba depois de trabalhar dez, doze horas, fazer trabalho, fazer prova, estágio… e no meio disso tudo ainda perder meu avô, perder minha mãe encarar o surgimento de uma doença difícil como a diabetes.

É apenas um pedaço de papel no final das contas. Mas ele representa tantas batalhas, muitas derrotas, muitas vitórias, muito suor. Muitas noites em claro… Foram cinco anos infernais!!! Foi uma época muito, muito difícil da minha vida… e agora meu Diploma tá aqui… no envelope dele… junto com meu outro diploma, da faculdade de Letras. E eu fico feliz. Sensação de dever cumprido sabe? Eu posso até não fazer nada com esse diploma, eu posso não prestar prova da OAB e jamas advogar. Mas eu mantive minha promessa pra minha mãe… que eu ia me formar e Deus me ajudou e eu consegui.

Quem acompanha meu blogue há muito tempo sabe mais ou menos da minha rotina. Estudando de domingo a domingo, estudando até uma da manhã, fazendo academia de segunda a sexta, tenho que cozinhar minha comida pra semana toda, todo final de semana eu tenho que lavar a roupa da semana, se eu quiser sair eu tenho que acordar mais cedo nos finais de semana para poder me divertir um pouco com minha família ou meus amigos.

Todo mundo tem essas obrigações na vida e seus problemas claro… mas a maioria das pessoas apenas vem as coisas boas, e invejam as suas conquistas. A inveja é foda, sempre tem pedra de tropeço, às vezes a pedra de tropeço é uma pessoa. Às vezes cansa demais ter gente que não acrescenta em nada perto de vc, gente que só suga suas energias. Por isso deletei um monte de falsos amigos da minha vida virtual e cortei relações com pessoas no mundo real. Minha amiga me disse uma vez, todo mundo quer ver vc bem, desde que vc não esteja melhor que eles… eu não entendo esse conceito. Eu quero ver meus amigos bem, eu fico feliz com o sucesso deles, eu tenho orgulho das conquistas deles… e eu peço sempre a Deus que os guarde e que os abençoe, que seus filhos tenham saudê, que suas casas estejam sempre em paz e que nada lhes falte e que maiormente que eles estejam sempre felizes.

Talvez por isso eu tenha amigos tão bacanas, talvez por isso eu vira e mexe ouça a frase “nossa, eu gosto que minha filha tenha amizade com vc, vc dá sempre bons conselhos pra ela”, “nossa, vc tem sido uma benção pr aminha esposa como amiga”. Na verdade na vida a gente planta o que a gente colhe… Chega de plantar gente falsa, de dar adubo para a inveja dos outros… alimentar amizades com esse tipo de gente é dar vitamina para a inveja deles.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao