a

E aí terráqueos, beleza??? Como vão vcs??? Eu tô legal… tô com frio. Caiu a temperatura em Sampa nos últimos dias, mas eu não estou reclamando. Talvez amanhã eu reclame que é segunda e eu tenho que acordar cedo para ir trabalhar hahahahahaha. Mas hoje que eu estou em casa de boas, não reclamarei. Vamos ver se eu consigo escrever pelo menos mais uns cinco posts hoje antes do dia acabar. Se eu conseguir, posso dizer que foi um dia bem sucedido.

Sério amigos, eu preciso de férias. Eu estava pensando umas duas semanas atrás. Ahhhh eu nem estou tão cansada. Acho que eu nem vou tirar essas férias de agora de setembro… cansada, cansada mesmo eu não estou. Mas, eu estou estressada, preciso dar uma descansada. Preciso tirar uns dias para fazer nada, arrumar meu guarda-roupas, doar umas roupinhas velhas, essas coisas que a gente faz nas férias. Que eu faço pelo menos hahahahahahahaha.

Mas, nem é disso que eu quero falar hoje (como sempre Shao, que novidade) este post promete ser bem curto… se preparem! Lembram que eu disse que estávamos precisando de mais filmes de bruxa??? Então… parece que os executivos de Hollywood me ouviram e lançaram esse terror inovador que foi aclamado pela crítica. “A Bruxa”!!! Quando anunciaram o filme e eu vi o trailer eu pensei… mano, que legal, deixa sair esse filme no cinema que eu vou querer ir ver!!!

Entretanto, coisas aconteceram e acabou que eu não consegui ir ao cinema ver. Quando eu tive tempo de ir ver já tinham tirado ele de cartaz. Até porque ele fez muito sucesso de crítica mas… nem tanto sucesso de público. Então eu esperei até ele pipocar na internet e fui assistir. E mano, pela primeira vez em muito tempo eu não consegui assistir um filme inteiro de tão parado que é esse filme. Eu ainda preciso assistir ele novamente, especialmente o final… porque ele fica… parado, parado, parado e tudo acontece no final.

Mas eu não tive paciência de esperar pelas coisas acontecerem eu pulei uns pedaços e fui pro final e ficou completamente confuso… mais confuso do que já estava e acreditem em mim já estava confuso para caramba. A ideia primordial por trás do filme é apresentar um novo conceito de terror e isso sempre é complicado, desafiador e tente muito mais a dar errado do que a dar certo… Mas em princípio, no comecinho do filme ele cumpre bem o que promete. Ele mostra uma realidade bem terrível e bem assustadora do que era viver numa sociedade cheia de preconceitos e crendices que acreditava que forças do bem e do mal estavam atuantes no dia a adia das pessoas da sociedade e tal.

Mas depois, como eu disse o filme vai ficando chato e chato então eu preciso assistir novamente. Mas não estou ansiosa para tal porque… como eu disse é chato pra caramba. Mas quem sabe eu dê futuramente uma segunda chance para este filme. Tem filmes que são conceituais que vc meio que tem que assistir novamente para tentar entender o danado e de repente vc até acaba gostando. Então, galera do terror pipoca, se vcs quiserem assistir um filme de terror sucesso… Não é esse!!! Não recomendo… se vcs são vanguardistas e curtem novidades, vai na fé… senão passem esse porque é muito conceitual. Mais do que foi a “Bruxa de Blair” na época que ele foi lançado.

Falando em “A Bruxa de Blair” parece que filmaram em segredo o segundo filme e vai ter continuação. Eu nunca curti muito o primeiro. Mas estou curiosa para ver esse segundo. Continuo achando que precisamos de mais filmes de bruxa nos cinemas. 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao