series

E aí terráqueos, beleza??? Estão preparados pra um post bem nerd??? Vou falar só de séries hoje, das séries que eu assisto e de um assunto específico nelas… as mortes imbecis e desnecessárias de alguns personagens. Os escritores criam os personagens fazem a gente gostar deles daí vão lá e matam os personagens que a gente ama e vc se pergunta… Por que Deus??? Por que eles fazem isso com os nossos corações??? Porque tanta maldade…

Antes de continuarem lendo esse post já vou avisando que tem spoiler pra caramba se tem alguma série que vc assiste e tá meio atrasado é bom vc não ler este post hahahaahhahaaha. Pode estragar a surpresa… mas se quiserem continuar lendo mesmo assim vão em frente. Depois não digam que eu não avisei. Ahhh e outra coisa, esse post tende a ser alterado posteriormente ou completado por outro post porque eu tô aos poucos colocando minhas séries em dia e certamente mais gente vai morrer por aí nas séries…

Eu vou começar por Supernatural porque é a série que eu acabei de assistir, terminei a Décima Primeira Temporada… e porque também foi uma das mortes que mais me chateou de todas as séries que eu assisti ou assisto. A Morte do Bobby Singer. Um dos personagens mais queridos da série e eles me matam de um jeito bem estúpido. Com uma bala perdida disparada pelo chefão dos Leviatãs na sétima temporada. Claro que em Supernatural nenhuma morte é eterna, eles podem a qualquer momento ressuscitar  um personagem. Já perdi a conta de quantas vezes eles mataram o Sam, o Dean e o Castiel e eles sempre voltam. Mesmo o Bobby, depois que morreu apareceu ainda umas vezes. Mas eu fiquei muito chateada com a morte dele…

Na mesma série eles ainda mataram mais dois personagens que eu curtia muito, o Kevin e a Charlie. A morte do Kevin foi tão idiota quanto a do Bobby e a da Charlie foi foda meu porque mais uma vez quase espatifou a relação de amizade entre os personagens principais. Aliás, eita série pra matar personagem legal… dava pra fazer um post inteiro só de mortes que me chatearam em Supernatural. Quem sabe um dia eu faço um post bem longo com uma lista de todos os personagens de Supernatural que eu curtia e morreram.

Outra série bem bacana que eu estou acompanhando é Chicago Fire… e outra morte besta foi a morte da paramédica melhor amiga do Severide (mais conhecido como Sevelindo, namorado da Lady Gaga na vida real). Bem realista a morte mas… paramédicos correm o risco de morrerem durante atendimento todo o tempo. Mas, eu não achei que a morte dela foi relevante pra narrativa. Quando uma coisa dessas acontece, eles matam o personagem assim meio que sem razão eu só consigo pensar que foi por motivos de relacionamento entre o ator e a equipe, ou entre o ator e os escritores… Eu não acompanho o que rola nos bastidores da série… mas suponho que seja algo do gênero. Não chegou a estragar a série mas… foi uma morte besta e sem sentido.

Um bom exemplo disso é outra morte… a morte da Prue, personagem da Shannen Doherty em Charmed. Eles só mataram a Prue porque a atriz teve problemas com a equipe, com os escritores e com outros atores da série. Prue entretanto era uma personagem importantíssima, a série continuou claro… mas para mim que era super fã da personagem em si, ela era a bruxa mais poderosa, a irmã mais velha e a personagem mais cheia de conflitos internos… a série deu uma caída. Eu raramente abandono uma série mesmo que ela esteja muito chata então eu assisti até o final, mas… perdeu um pouco da graça a série sem a Prue. Claro que abriu a oportunidade para os escritores trabalharem um pouco mais no desenvolvimento dos outros personagens e as atrizes que interpretavam as outras irmãs puderam também ganhar mais espaço. Mas… enfim… foi uma morte besta que me chateou pra caramba na série.

Outra morte besta que eu particularmente acho que não contribuiu em nada pra uma série e que me chateou muito, tanto que fez com que eu parasse de ver a série, foi a morte da mãe da Buffy em Buffy A Caça Vampiros. Mas me chateou porque aconteceu bem quando minha mãe tava doente e eu levei pro particular isso… eu não gostava, e nem gosto ainda… de ver a mãe de quem quer que seja morrendo, nem que seja na ficção. Eu me chateio muito.

Uma morte bem recente em série foi a morte do Robin Hood em Once Upon a Time na última temporada, o que gerou a volta da Regina como Rainha Má… ela que tinha virado mocinha depois de ser a vilã em diversas temporadas… Achei sacanagem matarem o Robin mano, embora eu goste da Regina vilã e eu entenda que faz sentido pra narrativa, não gostei… queria ver um final feliz pra Regina hahahahahahaha. Vamos aguardar para ver o que rola na sexta temporada… Nossa esse post tá ficando grande…

Outra morte bem chata foi a da Debra Morgan em Dexter … embora seja uma morte que eu entendo pra caramba. Fez um sentido gigantesco para o contexto da série. Debra era a personagem que tinha a conexão mais profunda com o personagem principal o Dexter. Tanto que de cara nos primeiros episódios da série o personagem Dexter diz: “Se eu pudesse sentir amor por alguém, seria pela minha irmã Debra.” Então a morte dela faz sentido se vc quer desconectar totalmente o personagem de sua humanidade. O final de Dexter foi tosco… eu teria matado ou mandado o personagem para prisão perpétua. Ele não deveria ter se safado dos crimes que cometeu… mas, enfim… era uma personagem que eu não gostaria que tivesse morrido, eu gostava da Debra hahahahahaa.

Agora vamos falar da pergunta que não quer calar… O que os escritores de séries tem contra a Lucy Lawless meu velho??? Toda a série que ela faz ela acaba morta… Mataram ela em Arquivo X, mataram ela Agents of Shield, mataram ela em Salem, Mataram ela em Spartacus e é claro… a pior morte de todas… mataram ela em Xena Warrior Princess.

Vamos primeiro falar da morte da Condessa em Salem… Lucy entrou na série, roubou a cena, fez a melhor bruxa de todos os tempos, e eles pegam e matam ela… eu tinha matado a Mary e colocado ela como personagem principal hahahahahahaha, mas isso porque ela é um a atriz muito boa e eu sou muito fã dela. Teve também a Lucretia em Spartacus, era novamente a melhor personagem da série aí eles matam ela… claro, foi uma mórte épica, louca e suicida… melhor morte ever hahahahaha. Mas… mano, lançando uma campanha na internet… Parem de matar e Lucy Lawless nas séries!!!

E para terminar o post com chave de ouro… a pior morte de todas, a mais imbecil, a morte da Xena em Xena Warrior Princess… Assim, vamos por partes. Como uma pessoa que escreve e tenta ser escritora eu entendo a morte dela como fechamento da série e todo aquele blábláblá de fechar o circulo e tal, da evolução da personagem e tal… Mas, o jeito como ela morreu, e o motivo da morte foram estúpidos demais, faz vc pensar… ahhhh qualé mano, vcs podiam ter feito melhor que isso.

Maioria dos fãs ficaram chateados porque a morte separou Xena de Gabrielle, eu fiquei chateada não pela morte em si, mas como já disse, pelo motivo… aquela história das almas é péssima, e o jeito que ela morreu… Velho, em “One Against an Army” ela enfrenta sozinha bem mais homens que no episódio final e ganha… a única razão pra ela morrer daquela forma é ela ter se deixado matar, e ela deixar se matar por um motivo tão absurdo… péssimo, dessem um motivo melhor gente pelamordedeus…

Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao