capa_como-eu-era-antes-de-voce2

E aí terráqueos, beleza??? Aqui tudo beleza, eu tirei o domingo… último dia do feriadão de Corpus Christi para escrever porque eu tô muito atrasada. Última semana eu não escrevi nada, não estudei nada. Quinta eu fui ver meus amigos que eu estava negligenciando, minha amiga Luciana me chamou a atenção para isso e ela tem toda a razão. Massss… como vcs sabem eu tenho andava preocupada com a saúde do meu irmão e com a minha saúde ultimamente.

Mas agora as coisas estão mais ou menos melhores (na verdade estão bem melhores, meu irmão recuperou oito dos dez quilos que ele perdeu e eu finalmente coloquei a dieta em prática e a diabetes tá controlada). Agora eu posso voltar a focar a minha agenda, meus amigos, o resto da minha família, meus textos e meus estudos (ufa… é coisa pra caralho caramba). Amanhã é o dia “D” vou acordar cedo e fazer tudo que eu tenho que fazer, vou seguir minha agenda direitinho… Somado a isso também meu horário no serviço mudou, eu estou entrando mais cedo… anyway… tenho que me reorganizar. Mas… vai dar certo se Deus quiser. Vou me esforçar… fica mais fácil quando a gente não tá morrendo com a glicemia nas alturas.

Inclusive eu acho que minha diabetes ficou meio louca de tão preocupada que eu fiquei com meu irmão. Mas… ele tá bom agora isso é o que importa. Tá comendo de tudo novamente como um camelo esfomeado do deserto (eu nem sei se um camelo é esfomeado no deserto, mas vcs entenderam né?) quando ele não está assim é que eu me preocupo. Aliás, uma unha encravada neles e eu já me preocupo.

Eu sei que… eu não deveria encarar as coisas assim, mas eu acredito que Deus levou minha mãe e que é meu dever tomar conta deles, até eles arrumarem os empregos deles, terminarem a faculdade, encontrarem uma boa moça, se casarem… daí minha missão terá sido concluída (apesar de que eles acham que é ao contrário, que são eles que tem que cuidar de mim… mas eles estão errados porque eu sou a filha mais velha… quem toma conta aqui sou eu!).

Bom, bora pro tema do Post… eu terminei de ler o nono livro do ano… Está para estrear no cinema o filme baseado neste livro “Como eu era Antes de Você” e eu vi o trailer do filme no YouTube e pensei… Nossa, que filme bonitinho, que romântico… aí eu vi que tinha o livro e pensei, legal, não vou ter que esperar o filme. Comprei o livro no site da Amazon pro meu Kindle e fui ler…

E deixa eu contar uma coisa para vcs… o livro me surpreendeu totalmente… Caso vcs não queiram sofrer Spoilers parem de ler este post aqui mesmo!!! HAHAHAHAHA eu não vou falar do filme (até mesmo porque não estreou ainda) que por sinal eu quero ir assistir (apesar de já ter lido o livro) quando estrear. Continuando… vcs foram avisados hahahahahaha. Eu achei, como eu disse acima, que era um romance água com açúcar, com um pouco de drama e um final feliz, ou um final infeliz (os romances de ultimamente estão cheio de finais infelizes… reparem – livros e cinema).

Mas o livro é sobre muito mais que isso… trata de uma maneira bem leve e delicada, bem suave mesmo sobre temas muito pesados como: Estupro, Acidentes que deixam uma pessoa quadriplégica, depois as dificuldades dessa pessoa se adaptar ao mundo e como o mundo em geral não está preparado para recepcionar os deficientes em geral, trata de questões como a ambição do ser humano em geral e de como vc não ter ambição é mal visto nas sociedades capitalistas, trata também do amor, do que faz as pessoas se apaixonarem umas pelas outras e especialmente, e eu acredito que esses três sejam os temas mais importantes do livro, trata da Eutanásia e de como a influência de uma pessoa na nossa vida pode mudar (de uma forma positiva) completamente o modo como nós vemos o mundo a nossa volta e finalmente de como a perda de alguém que amamos muito pode fazer a mesma coisa mas de uma forma negativa.

O livro conta a história de Will, um advogado bem sucedido e bonitão que sofre um acidente grave e fica quadriplégico e de Louisa uma moça simples e sem ambição que por falta de opção acaba indo trabalhar para ele como cuidadora. Então é assim que eles se conhecem… No começo Will não dá sequer atenção à moça e ela tem certeza que ele a odeia. Por sua vez Lou precisa do trabalho para ajudar a família e insiste em permanecer no local por isso. Com o passar do tempo eles começam a desenvolver uma amizade marcada pela troca de ironias e aos poucos Lou vai conquistando o respeito de Will. Então ela descobre que ele quer terminar com seu sofrimento através da Eutanásia, mas ele fez um acordo com os pais, esperar seis meses antes de dar o passo final, e a mãe dele contratou Lou exatamente na esperança de que a moça com sua alegria e bom humor contagiante fosse capaz de fazer com que o filho mudasse de idéia.

No país onde se passa (Inglaterra) a eutanásia não é permitida (bem como no Brasil). Então Will tem agendado o procedimento para sua eutanásia em seis meses. Lou então faz da sua vida uma missão para tentar convencer o rapaz a não acabar com a própria vida e nesse processo ela acaba por se apaixonar por ele… e ele por ela. Ele começa a lhe indicar filmes, e livros e sempre diz para ela parar de desperdiçar a própria vida… porque existem pessoas, como ele que não podem fazer o que querem da própria vida devido as limitações físicas.

E Will acaba conquistando a confiança da moça que confessa para ele um trauma do passado, um estupro do qual foi vítima e de como ela nunca mais consegui ser a mesma pessoa depois do ocorrido, como ela perdeu o interesse em perseguir seus sonhos depois disso o que no começo do livro é encarado pela maioria dos personagens (e pelos leitores) como desinteresse dela ou falta de ambição. Will é a primeira pessoa que a incentiva a voltar a sonhar a voltar a viver…

Eu não vou entregar todos os detalhes do livro… eu quero deixar um mistério no ar… especialmente de como termina. Leiam vcs o livro, vale muito a pena. Os personagens são bem escritos, tem seu melodrama claaaaro… e tem um tom bem britânico (quem já leu Henry James, J.K. Rowling – não Harry Potter, mas os livros mais contemporâneos dela, e outros autores britânicos vai entender o que eu quero dizer) uma certa formalidade…) mas não são personagens rasos, muito pelo contrário. Eu recomendo pra caramba o livro… quem não quiser ler vá ver o filme. É bem bacana!!!

E tem continuação… que se chama: “Depois de Você” e que eu também já li… vou falar dele num post mais adiante… provavelmente vai ter continuação de filme também… Coloquem eles na lista, valem muito, muito a pena.

Vou terminando este post por aqui porque ele já está muito grande. Mas… antes de terminar eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao