brincadeiras1

Fala galera, beleza??? Como vocês crianças vão indo??? Eu tô legal… quer dizer, na verdade não… meu olho tá zoado ainda e eu deveria estar descansando os olhos mas eu estou aqui escrevendo de madrugada porque eu como sempre com a minha loucura, analisei… qual a pior coisa que pode estar acontecendo com meus olhos?? Eu estar com glaucoma e a caminho da cegueira… e na melhor hipótese eu apenas cansei meus olhos escrevendo demais nos feriadão e agora meus olhos estão cansados e precisam de descanso… hahahahaha.

Meio termo seria… eu ter que trocar as lentes dos meus óculos. Seja qual for o caso… se for o pior caso, deixa eu ler e escrever enquanto eu ainda enxergo alguma coisa. (By the way, eu larguei esse post e voltei a escrevê-lo uns dias depois e meus olhos estão bem menos embaçados… tô enxergando quase normalmente… mas mesmo assim eu vou no Oftalmologista porque esse terçol pode voltar e me perturbar novamente…).

Velho, eu preciso escrever quatro… pelo menos quatro textos hoje sem falta e estou sem a menor vontade. Se eu deixar para amanhã serão cinco… (me deu sono enquanto eu escrevia este post, eu fui dormir… agora são cinco textos que eu preciso escrever… e já passou metade do domingo, não sei se eu conseguirei).

Então sem mais delongas, vamos falar de um assunto muito mais light que a complicada vida complicada dos adultos. Estou com saudades da época que a vida que as coisas eram mais simples… Quando a gente era criança por exemplo. Estamos num mundo cheio de tecnologia… diferente pra caramba do que era nas falecidas décadas de oitenta e noventa… Seja por causa dessas tecnologias, seja porque o mundo anda cada vez mais corrido e agitado… as crianças de hoje em dia não fazem mais muitas coisas legais que as crianças do meu tempo e até do tempo dos meus irmãos… que são praticamente 15 anos mais novos que eu. E portanto eu fiz uma listinha…

Bora lá… As crianças de hoje em dia não vão mais aos parquinhos, elas não sabem o que é andar nesse gira-gira a tarde toda e ficar tonto até querer vomitar, ou escalar esse brinquedo do lado que eu esqueci o nome e se sentir o máximo porque conseguiu chegar lá no alto.Tinha ainda o escorregador de ferro, o balanço a gangorra, o tanque de areia… poucas crianças hoje em dia tem essa oportunidade. Tem também a oportunidade de cair de cima de um treco desses e se estatelar no chão hahahahahahahahaha.

Eu lembro que a gente na época morava em Carapicuiba e minha mae, ou minha vó, ou uma das minhas tias, levavam a gente para brincar nesses parquinhos… era muito maneiro velho. Depois a gente se mudou pra São Paulo, e não tinha muito parquinho perto, o mais perto que tinha era o Parque do Carmo, mas era relativamente longe pra ir sempre então a gente brincava na rua mesmo.

Ou de brincar na rua mesmo… com bola, pipa, corda e mais nada além de outro monte de criança. Brincar na rua de terra… rua não asfaltada… ainda tem muita nesse Brasil afora, especialmente nas periferias e por conseguinte eu acredito que ainda existem bastantes crianças que (até mesmo por falta de opção) passam por esta experiência. Brincar descalço, na rua de terra (ou no terrão como a gente chamava) mesmo que isso significasse arrancar o topo do dedão do pé de vez em sempre, e ficar atéeee tarde brincando na rua… Tocar a campainha do vizinho e sair correndo…

Por causa da falta de tempo, as famílias se veem pouco hoje em dia, mesmo morando perto, eu moro perto pra caramba de diversos parentes e nenhum de nós tem tempo de se ver se de vez em quando a gente tem que ligar um pro outro e falar… mano, não vejo vcs faz um mês, dois meses, vamos marcar alguma coisa. Aí a gente vai na casa uns dos outros mas… quase nunca a gente consegue juntar toda a galera cimo a gente juntava quando éramos crianças. O que é um saco… mas são coisas da vida.

Eu lembro de quando todos éramos crianças e andávamos de carro pelo bairro, no fusca do meu tio ou na Rural da minha vó… todo mundo sem cinto de segurança… ahahahahahahaha.

Depois que a gente crescia um pouco mais tinha as brincadeiras de escola e tinham as brincadeiras que a gente fazia na sala de aula em aulas vagas, tipo STOP e DETETIVE. E a técnica apurada de mandar mensagens pros seus amigos no meio da aula com bolas de papel amassado hahahahahaha.

Depois a gente crescia mais um pouco e a minha diversão favorita era ouvir o rádio, as melhores do dia e torcer para a minha banda favorita ser a número um. Geralmente era… hahahahahahaha. Ou então o clipe ser o favorito nas paradas da MTV hahahahahaha as crianças e os adolescentes de hoje estão tão cercado de tecnologia… a diversão deles é ficar batendo boca nas redes sociais com fãs de outras bandas. Bons tempos…

Mas, este post já está longo demais… por isso vou terminando por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao