Olá amiguinhos, vcs estão bem. Eu to legal. Estou escrevendo este post na terça mas ele deve ser publicado na quarta. Mano, deixa eu contar para vcs. Essa semana tá fraca de movimento aqui na Prefeiturolândia viu… poucos contribuintes para atender… as horas não passam.

Ai Shao, mulher, decida-se se vem gente vc reclama se não vem gente vc reclama… Sim, reclamo, me deixem. O blogue é meu, o emprego é meu eu tô de TPM e eu reclamo do que eu quiser (hahahahaha pronto passou o momento #mimimi). É que é assim… se vem muita gente, não dá nem pra parar para comer, não dá nem para ir ao banheiro e beber água que a pessoa chia. Já caso venha pouca gente, ficamos aqui sem ter o que fazer igual vendedor de areia no deserto, e o tempo não passa.

Daí a gente fica arrumando o que fazer, eu por exemplo, trouxe meu Nintendo 3DS (aliás preciso fazer um post bem nerd sobre este meu novo brinquedinho, mas primeiro tenho que descobrir as diversas funcionalidades dele… aguardem! Ainda mais se vc está pensando em comprar um console de videogame portátil para vc jogar, por aí na vida… nos cabeleireiros, nos consultórios médicos e dentários… até mesmo porque não é sempre que a gente está afim de ficar pendurada no Kindle lendo) e meu Kindle, e tb tem o Kindle cloud reader então eu fiquei hoje praticamente a tarde toda lendo… Quase terminando de ler “The Third Kingdom”.

Eu fico pensando o que o Terry Goodkind tem na cabeça… ele introduz a história, depois causa uma revolta do capiroto ferrando a vida do Richard e da Kahlan… e então pra resolver a revolta do capiroto que ele criou… primeiro ele escreve capítulos inteiros de discussões filosóficas entre os personagens, ou divagações dos personagens. Capítulos inteiros de descrição de cenário e tá… daí no final, em poucos capítulos ele coloca ação, ação, ação… e vc fica até sem fôlego… ele deveria dosar mais as filosofias com as ações. Em poucos livros dele ele consegue esse equilíbrio na narrativa.

Falta 25% do livro pra terminar… capaz de eu terminar amanhã (hoje pra vcs né?) se o dia for tão parado quanto hoje… dias parados assim como hoje, contribuem para apressar minha leitura, apesar de que diversas pessoas ficam me interrompendo para querer jogar conversa fora. Tem coisa pior que vc estar lendo e as pessoas ficarem te interrompendo? Não né? Ou então ficam pendurados no seu ombro olhando pra tela… (tá tudo em inglês o livro… então o satanás não vai entender o que está lendo) e fica lá…aí no final solta a pérola. O que vc está fazendo? Tô lendo capeta! E o que vc está lendo? Hieróglifos egípcios satã! Me deixa em paz!

Infelizmente não é sempre que dá pra sacar o Nintendo 3DS hahahaha, se os municipes ou meu chefe me pegam no meio do expediente jogando eu tô lascada. Então eu fico atendendo até 20 pas seis, daí eu levanto, tiro relatório do painel de atendimento, organizo meus documentos recebidos, coloco tudo na ordem, depois guardo tudo o que tem para guardar nos armários, tranco tudo, arrumo minha mochila, pego as chaves do carro… e fico sentada em frente ao meu computador até dar a hora de fechar. Dai eu fico jogando no 3DS. Se chegar alguém eu atendo, se não chegar eu desligo a impressora o computador às seis horas e venho embora pra casa.

Bom, vou terminando este port por aqui, eu sei que ele está curtinho mas eu tô morrendo de dor de cabeça. Vou dormir que amanhã tenho que trabalhar, e tenho ainda que dar carona pro meu irmão que ele vai no CAT dar entrada no Seguro Desemprego da dispensa dele do trampo lá… ele tinha 4 anos na empresa. Tá foda esse desemprego no mundo mano. No Brasil mais especificamente… queria tanto que meu irmão passasse num concurso, me preocupo pra caramba com esse menino.

See you guys around the corner
Shao