Olá pessoas que visitam este blogue sabe lá Deus porque… Como eu devo ter repetido incessantemente nos posts anteriores eu tenho andado bem ocupada, sem tempo de escrever por aqui. Mas, como eu não quero que o blogue fique muito abandonado aqui estou eu, escrevendo no meu domingo enquanto termino de lavar o restinho da roupa que não deu tempo de lavar ontem porque eu saí pra jantar num restaurante japonês com meus amigos da faculdade. Meus queridos amigos que eu morro de saudades.

Foi uma noite alegre, nos divertimos, relembramos o passado, colocamos em dia o que tem acontecido com nossas vidas no momento e nossos planos para futuro próximo, e já marcamos um novo encontro porque é necessário que se crie esse tempinho para os amigos.

Se deixamos nos levar pelas nossas obrigações, pela correria do dia a dia e até pela nossa preguicinha, aquela vontade de ficar de pernas para o ar no final de semana e não sair de casa. Acabamos nos perdendo das pessoas queridas.

Claro que também é necessário tirarmos um tempo para ficarmos em casa sem fazer nada hahahahaha, assim como temos que criar tempo para dormir até mais tarde, estudarmos, comer direito, fazer exercícios, buscar nosso crescimento interior, ir à igreja, etc.

As redes sociais e a internet, usadas sabiamente nos ajudam a nos aproximarmos dos nossos amigos e familiares que estão distantes. Claro… mas não podemos deixar que isso substitua nos encontrarmos pessoalmente com as pessoas que realmente amamos.

Quando eu cheguei em casa ontem depois de uma noite agradabilíssima eu pensei, quanta gente que era importante na minha vida, e hoje já não é tanto… Eu sinto falta do passado, mas não necessariamente da pessoa. E é engraçado isso, de uma forma triste e trágica, mas é engraçado. É necessário que haja um esforço, ou seja, um interesse de ambas as partes para que a amizade perdure, para que o vínculo não se quebre.

Família por exemplo, a família da gente geralmente acha que porque temos vínculos sanguíneos, que porque vocês cresceram juntos e tem uma ‘história’ juntos vcs estão intimamente conectados para todo o sempre amém. Não é bem assim… filosofia de vida que minha mãe e a vida me ensinaram. Não basta ter o mesmo sangue para ser família, vc tem que merecer fazer parte daquela família, vc tem que ralar pra merecer o respeito o amor daquelas pessoas que coincidentemente tem uma porcentagem de DNA em comum com você.

Não é porque você tem o mesmo sangue que isso lhe garante o eterno perdão para as canalhices e escrotidões que você faz com os membros da sua família.

Uma coisa que eu tenho notado já faz tempo, que no meio das famílias existe cada vez mais desamor entre as famílias. Felizmente, na minha família… aqui em casa especificamente… somos muito unidos. Eu ouço sempre dos nossos amigos ou dos meus amigos que conhecem os meus irmãos e conviveram conosco em algum momento e meus irmãos sempre ouvem dos amigos deles: Nossa, eu acho tão bonito como vocês são unidos. Ou, eu acho tão bonita a amizade de vocês três.

Mas não é apenas isso que ouvimos, ouvimos coisas negativas também, tipo: Como assim vc não pode sair porque tem que ficar em casa lavando o uniforme dos seus irmãos? Como assim vc tá em casa sem sair porque seu irmão saiu com o carro, o carro não é seu? Ou coisas que eles ouvem: Como assim vc dá sua grana em casa pra ajudar pagar as contas?? Vc tinha que pegar sua grana e gastar com você! Como assim vc não vai sair porque vc tem que ir no mercado com seus irmãos?

Há tanto desamor, tanto egoísmo no mundo hoje que as pessoas se espantam em ver uma família unida, ver amizade verdadeira. E não se conformam em ver você fazendo algo para manter essa amizade e união porque no mundo em que eles vivem isso não existe. Para essas pessoas que criticam muitas vezes o quão somos comprometidos com nossos amigos, nossas amizades o que fazemos é sacrifício, para nós nada mais é que um prazer, nos esforçarmos para estarmos com nossos amigos.

A vida é cansativa? Sim… Trabalhamos duro a semana inteira? Claro… tudo o que queremos no sábado e no domingo é ficar em casa dormindo??? Certamente… mas, amizade é que nem uma plantinha frágil. Ela precisa ser cuidada. Vc tem que regar ela, dar atenção e amor e carinho senão ela murcha e morre.

A vida em geral é uma coisa que afasta as pessoas. Se vc tem amigos que vc ama muito, é sempre bom se esforçar um pouquinho para que essa amizade não se perca. É claro que apenas vc se esforçar não vai adiantar muita coisa. É preciso que as duas pessoas ajam da mesma forma… Mas se cada dez amigos que vc ama, um te amar de volta e agir da mesma forma, você já pode se considerar uma pessoa afortunada. E isso serve para membros da família também. É necessário se esforçar para ser amigo é preciso se esforçar mais ainda para ser amigo do seu pai, da sua mãe, dos seus irmãos… mas no final vale muito a pena.

See you guys around the corner
Shao

Anúncios