Buenas galera… uma semana a menos para acabar o ano, agora é contagem regressiva. Já é Março Ceres anima! Tô pensando em fazer a formatura… a priori eu não estava afim, mas putz… foi, e ainda está sendo tão complicado. Acho que eu mereço alguma comemoração. Entretanto eu detestos esses eventos formais, não sou eu usar aqueles vestidos de festa sabe, é tão… formal… tô pensando em pagar a vista, até o final do semestre eu decido, vai depender da situação financeira é claro… mas vamos com calma. Parece que a festa vai ser no Moinho Santo Antônio. Só tenho 10 convites, tanta gente que eu queria convidar, do trabalho, da familia nem tanto, vou chamar apenas as pessoas mais próximas que me ajudaram a carregar essa barra que eu to carregando. Os demais eu não vejo porque, ostentação? Só pra falar… oh… me formei… mas não tô afim sabe. Mas mesmo assim acho que vou precisar de uns convites a mais pra uns amigos especiais.

Essa semana foi mais fresquinha que a semana passada, mas eu tô tão acabada. Eu sei que é pelo fato de eu estar virada desde janeiro de 2008… foram as últimas férias que eu tirei e consegui descansar um pouco, não muito porque minha mãe tava doente e se vc não descansa a cabeça o corpo também não descansa completamente. Mas as férias seguintes eu tirei pra ficar com ela no hospital os últimos 40 dias de vida dela… foi terrível e depois eu me joguei de cara no trabalho e na faculdade pra não ficar pensando em bobagem. Acho que se eu não tivesse feito isso eu tinha caído em depressão (quer dizer, não sei… às vezes eu acho que sou rebelde demais, inconformada demais para cair em depressão). Mas eu agora sinceramente estou precisando descansar. Parece que o furor do IPTU está terminando… tomara que não inventem mais nada… eu vou esperar terminar o mês de abril, talvez esperar a Welita tomar posse do cargo, porque eu vou ter que dar uma organizada no setor depois que a Welitinha for embora, das duas uma, ou eu encontro alguém para vir para a praça à tarde ou então eu vou ter que ver com alguém da turma da manhã para vir para a tarde. Vamos ver como as coisas se deserolam. Não é justo com o pessoal da tarde estar sempre desfalcado…

Mas eu já estou mais ou menos me organizando pra tirar uns dias de férias… talvez eu tenha que esperar algumas pessoas voltarem de férias. Depois que as coisas ficarem mais ou menos organizada eu vou tirar uns 10 ou 15 dias de férias… se eu aguentar segurar até minhas férias mesmo… porque acho que eu marquei pra Junho… eu seguro. Se eu ver que eu tô muito cansada eu tiro uns dias. Não é umas férias por completo porque tem a faculdade, mas pelo menos eu poderia dormir até mais tarde e ia descansar um pouco mais e poder até estudar um pouquinho

Essa semana também eu mandei um memorando pra Sugesp vendo se havia possibilidade de arrumar mais umas horas extras para uma galera lá do trampo que recebe menos horas extras que os outros. Agora acho que o pessoal do DP vai se reunir com o subprefeito pra ver a possibilidade de descolar horas pra essa galera. Nossa, eu queria tanto que Deus mandasse uma pessoa pra vir trabalhar na Praça à tarde pra não ter que mexer no horário de ninguém. Porque eu sei que vai dar conversa… mas… querer não é poder. Mas, quem sabe Deus tem piedade de mim né? Não custa pedir.

Hoje de tarde eu estava dando uma fuçada no site de concursos, não tem nenhum assim maravilhoso, mas tem um interessante para a polícia civil… para escrivão. O salário é um pouquinho melhor que o meu. E sei lá… eu tô meio cansada de fazer o trabalho que eu estou fazendo. E não é nem pelo trabalho em si… tá certo, é repetitivo, é estressante, é cansativo pra caramba e nada gratificante lidar com o público. Mas putz, eu tô assim, a pessoa só vem na prefeitura para resolver problema, então é super chato… eu estou sem um pingo de paciência para atender as pessoas. E fora os municipes… tem os funcionários… não são nem os funcionários do setor em si. É claro que ser responsável pelas pessoas é um saco… sempre tem que ouvir, ai chefe isso, ai chefe aquilo… e sempre tem alguem precisando de alguma coisa. Mas, é normal… todos somos seres humanos e temos nossas limitações e necessidades. O pessoal da praça é legal, não tenho reclamação a fazer é um grupo de seres humanos maravilhosos mesmo… mas tô cansada mesmo. Tô até pensando seriamente em no ano que vem, ver certinho quem vai ficar com a chefia e vou pedir pra próxima chefe pra sair da Praça… não vou conseguir sair da Subprefeitura e sei que se eu sair da Praça vou perder  verba de atendimento e se eu abrir mão do cargo perco uma grana considerável. Mas para mim há coisas mais importantes que dinheiro e não tô sentindo que eu tenho nenhuma dessas coisas onde eu estou agora.

Se nada acontecer para me demover desta idéia eu tenho certeza que vou sentir muita falta das pessoas com quem eu trabalho principalmente e nem sei ao certo para qual setor eu poderia ir se eu fosse sair, sinceramente não tenho interesse em sair para setor nenhum… Como eu disse para os meus irmãos. O legal seria mesmo sair da prefeitura mesmo. Tô pensando seriamente em prestar esse para Escrivão… as vagas são para fora de São Paulo… mas… sei lá… de repente um trabalho novo, diferente, mais na área que eu tô estudando dá uma animada nas coisa. Vou sentir muita falta do pessoal mesmo se eu resolver sair mesmo. Mas a idéia passa pela minha cabeça pelo menos uma vez por semana… se aumentar e ela começar a passar pela minha cabeça pelo menos uma vez por dia é sinal que é hora de partir mesmo.

Não sei quem vai ficar no meu lugar se eu sair, tem muitas pessoas capazes… pessoas que aliás poderiam ter ficado como chefe em vez de mim, com mais experiência inclusive. Talvez essas pessoas deveriam ter ficado. Mas na época a pessoa não se interessou, uma pena… Mas eu espero que… se uma dessas pessoas ficarem na chefia elas me liberem pra ir embora se eu resolver mesmo ir embora… vou ter que pensar direitinho, conversar com meus irmãos, com meu padrasto e principalmente com Deus pra tomar a minha decisão. Mas minha vontade mesmo era sair da Praça… queria que minha mãe estivesse aqui pra me aconselhar, ela sempre tinha bons conselhos. Mas eu sei o que ela diria, das duas uma, ou ela mandava eu mandar esse cargo às favas, que ela pagava a mensalidade da faculdade que era pra eu estudar pra sair de lá…isso se baixasse a mãezona protetora nela. Ela ia dizer que o nervoso tava fazendo explodir minha diabetes que eu não tinha nada que ficar me matando na Prefeitura que ela ficou se matando no tribunal e não ganhou nada com isso… ou então, se ela estivesse mais calma… ela me diria pra aguentar mais um pouquinho… que o pior já tinha passado mesmo… Mas imaginar que ela diria isso e ouvir ela dizer sempre foram duas coisas bem diferentes.

Tenho trabalho pra entregar a semana que vem, que droga, não sei qdo vou ter tempo, acho que vou ter que fazer no domingo. Será que eu consigo começar e terminar no domingo mesmo??? Vou ter que lavar a roupa amanhã mesmo… Talvez não dê tempo de ir pra igreja porque eu tenho que pagar umas contas no shopping e tenho que ir num churrasco de tarde… casamento, me convidaram e eu gosto muito da familia… então não posso deixar de ir de jeito nenhum. Acho que vou dormir atém umas nove, levanto, lavo a roupa, vou pagar as contas, volto pra casa me arrumo e vou pra festa depois volto voando pra casa, procuro os documentos do apartamento pro meu padrasto, tiro xerox e começo a fazer o trabalho. Meu padrasto vai vir aqui no Sábado discutir o negócio do inventário… ele vai abrir o inventário da minha mãe… acho que tem que abrir pra lançar o Imposto de Renda, não sei ao certo… tenho que entregar minha declaração do IR também, já baixei o programa.

Domingo eu acordo mais ou menos a mesma hora, faço a macarronada que meu padrasto pediu, qdo ele chegar a gente conversa sobre os problemas, depois que ele for embora eu faço o IR que é simplificado pq eu sou pobre… pago pouco de IR cerca de 200 reais por ano… Graças a Deus, daí eu termino o trabalho…. sinceramente espero que a maldição dos sábados não ataque hahahahaha… Agora eu vou tomar um banho (dei cano na faculdade de novo fui almoçar com a Eliana num restaurante lá e alguma coisa não me caiu bem) fiquei com dor de estômago, até sai uma meia hora mais cedo que tava morrendo de dor… tomei um chá de carqueja e melhorei. A Eliana disse que é estresse… deve ser… nervoso não é porque acho que não passei nervoso essa semana…

Acabei de assistir o Globo Repórter sobre a NZ ahhhhhhh eu quero ir pra lá… ai ai… quem me dera, um curso de inglês lá… quem sabe um dia né?

Agora Fui mesmo Galera
See you guys around the corner
Shao

Anúncios