Noooooosa, estava tão cansada hoje, que resolvi pegar uma carona com a minha chefa de volta pra casa e dormir um pouquinho. Depois de muitos dias com dor de cabeça… passei dois dias bons, sem dor de cabeça. Ontem e hoje minha cabeça esteve ok. Deve ser coisa do óculos mesmo… vou falar com a minha mãe e marcar uma consulta no oftalmologista.
 
Eu estou mesmo precisando de uns óculos novos. Este que eu tenho, é bacana, mas é pesado. O que eu perdi no cinema era levinho. Quando eu tinha que ficar o dia todo com ele no rosto não me incomodava as orelhas como este.
 
Bom, a finalidade de ficar em casa hoje foi descansar. Afinal de contas… eu tirei notas boas em todas as matériasm acho que eu mereço ir dormir mais cedo hoje né? só não vou dormir muito mais cedo porque senão eu acordo muito cedo também.
 
Mudando de pato para ganso… Tem um poeta que é bem bacana… o nome dele pe Ferreira Gullar, ele é contemporâneo e visceral… eu recomendo. E pra deixar vocês curiosos… lá vai um poema dele…
 
Subversiva
A poesia quando chega não respeita nada.
Nem pai nem mãe.
Quando ela chega de qualquer de seus abismos
desconhece o Estado e a Sociedade Civil
infringe o Código de Águas
relincha como puta nova
em frente ao Palácio da Alvorada. 
E só depois
reconsidera: beija
nos olhos os que ganham mal
embala no colo
os que têm sede de felicidade
e de justiça 
E promete incendiar o país
 
Ferreira Gullar
 
Fui…