Nerdices: Filme – A Lenda do Mestre Chinês

1457854

Fala terráqueos beleza? Espero que sim… Eu tô cansada para caramba, menos cansada do que eu estava quando eu estava na correria louca do TCC. Falando do TCC amanhã eu tenho a PROVA FINAL da minha pós-graduação… (vcs devem estar lendo este post bem depois de eu já ter feito a prova e estar descansando) mas no momento eu estou extremamente ansiosa. Não nervosa. Ansiosa… porque eu quero mesmo fazer logo essa prova para encerrar esse capítulo da minha vida. Hoje eu vou estudar um pouquinho, vou dormir cedo pra fazer a prova amanhã de manhã…

Esses dias eu tirei para descansar justamente para não estar toda cansada e doida na prova para amanhã… E como é que eu geralmente descanso? Dormindo… claro… mas às vezes eu assisto filmes e nem sempre são filmes que estão entre os mais vistos. Às vezes eu fico procurando uns filmes menos populares na Netflix. E não sei se eu comentei aqui neste blogue alguma vez, mas eu curto filmes Chineses daqueles bem fantasiosos, que vc assiste a luta e pensa… Ah vá que o cara ia ficar flutuando no ar desse jeito só porque ele sabe Kung Fu!

Mas eu curto pra caramba esse tipo de filme, eu assistia esses filmes com a minha mãe quando eu era criança. Esses filmes ganharam o mercado quando o filme “O Tigre e o Dragão” fez sucesso… e como eu já disse eu amo esse estilo de filmes. E tem bastante deles no Netflix e nas internets da vida… Tem vários filmes chineses mesmo que atores famosos como Jack Chan e Jet Li fizeram lá no país de origem deles e não chegou aqui para a gente nos cinemas mas que são bons para caramba. E é de um filme desse estilão que eu quero falar aqui hoje.

Procurando no Netflix eu encontrei bastantes filmes legais deste estilo. Este aqui em português foi chamado de “A Lenda do Mestre Chinês” em inglês era “O Feiticeiro e a Serpente Branca” que eu particularmente achei mais interessante hahahahaha, mas caso vcs não saibam, nem, sempre são os tradutores quem escolhem os nomes dos filmes… são os estúdios e tal… Anyway, nomes à parte… o filme conta uma história que é mais ou menos assim… Numa província lá da China, temos diversos monges budistas e seu mestre Fa Hai (interpretado por Jet Li) e esses monges tem como missão principal proteger os seres humanos de demônios. Para tal eles caçam esses demônios, usando seus poderes mágicos e feitiçarias bem como suas habilidades nas artes marciais, e eles banem eles para longe da humanidade. E eles também tomam conta das pessoas doentes que ficaram doentes por causa de alguma maldição de algum demônio.

Nessa mesma província existe um jovem e pobre médico que quer nada mais nada menos que curar as pessoas. Por conta de maldições demoníacas uma cidade toda está doente e morrendo e o rapaz, chamado Xu Zian se esforça sem sucesso para curar as pessoas. Enquanto isso no mundo dos demônios duas irmãs serpentes vivem suas vidas imortais e observam a humanidade. Enquanto elas fazem isso a jovem que é a serpente branca se apaixona pelo jovem Xu Zian e ela salva a vida dele quando sua irmã o joga num lago, colocando a vida dele em risco. O rapaz também se apaixona por ela… mas ele nem sonha que na verdade ela é um dos demônios que o Fa Hai caça…

123456

Passando o tempo…a jovem que é a serpente branca se disfarça de humana e vai atrás de Xu Zian, ela resolve viver como humana ao lado dele. Os dois se casam e vivem felizes por algum tempo mas cada vez mais humanos estão aparecendo mortos ou doentes por demônios… como ela é um demônio e ele é um humano o amor deles é impossível.

É uma história de amor, recheada de mitologia chinesa, lutas absurdas e tem muitas partes muito engraçadas… as melhores partes são as do aprendiz do Mestre ele é todo atrapalhado… é uma história bem triste. Esses filmes chineses geralmente não tem finais felizes. A trilha sonora é linda de morrer e é outra característica marcante desses filmes, eles tem composições clássicas muito lindas. Não é um estilo de filmes muito comercial… então ele causa uma certa estranheza para nós que estamos acostumados ao formato Hollywoodiano mas assim, eu recomendo para caramba esse filme… talvez porque eu goste muito, ou talvez porque ele seja bem legal, deixo para vcs decidirem.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Anúncios

Já dizia o velho ditado…

proverbios-sao-pedacos-sabedoria-citacao

Fala galera, beleza… eu tô legal. Tô indo… como dizem os munícipes que eu atendo. Eu geralmente não desejo bom dia/boa tarde/boa noite para os munícipes que eu atendo no trabalho. Não é por falta de educação… eles geralmente chegam e dizem… “Bom dia…” e eu respondo “Bom dia, pois não?” porque eu tô lá para atender as pessoas e não para fazer amigos e a maioria não se importa, mas tem uns que fazem questão de conversar sobre amenidades e antes de dizer ao que vieram sempre perguntam se vc está bem e fazem questão de te informar que eles “vão indo” e depois te informam todos os problemas deles… quer vc queira saber ou não… faz parte…

Mas, como sempre não é disso que eu queria falar neste post… eu estava, esses dias navegando pelas internets da vida e procurando imagens, aqui para o blogue mesmo… e eu meio que tropecei numa frase em latim que diz assim: “Accipere, quam facere, praestat injuria. Accipere quam facere praetat injuriam.” Que significa… “Antes sofrer a injuria do que praticá-la. Antes sofrer a injustiça que praticá-la.” E assim… o timing desta expressão foi… nada mais nada menos que perfeito…

Porque as pessoas passam a vida inteira, julgando vc, sem realmente nunca ter passado nada do que vc passou, são rápidas em apontar os dedos e te chamar disso e daquilo e te classificar daquilo outro e mais outras coisas. Em resumo, de levantarem calúnias contra vc, de serem injustas com vc… muitas vezes sem nem sequer ouvir o seu lado da história. Na maioria das vezes aliás…

E então… vc meio que abaixa a cabeça, se conforma com aquilo e segue em frente com a sua vida. Até mesmo porque quando a turba se junta para apedrejar (moralmente) quem quer que seja, por mais que vc esteja certo, por mais que vc seja inocente… raros serão os ouvidos que vão querer te ouvir e raras vão ser as bocas que vão se abrir em sua defesa. Então não existe muito que possamos fazer…

Já ouviram falar da mentalidade de manada? Pois é… e é meio assim que as coisas acontecem… todo mundo se junta e começa a falar inverdades sobre uma pessoa e de repente, são tantas pessoas falando aquilo que todo mundo começa a acreditar que aquela é a verdade, que aquele quadro feio que estão pintando realmente é vc.

E então… a vida dá uma guinada. Porque a vida é assim mesmo cheia de altos e baixos… cheia de curvas inesperadas e pontos cegos… E aí, uma daquelas pessoas que foi tão rápido em te caluniar, te apontar, te julgar e te condenar… cai numa dessas armadilhas na vida e de repente se dá conta de que está vivendo uma situação idêntica à que vc viveu… e pela primeira vez na vida ele se coloca no seu lugar.

Minha mãe dizia que Deus, em sua infinita sabedoria, às vezes permite que atiremos pedras nos outros de vez em quando, porque ele sabe que mais adiante no caminho certamente encontraremos com nós mesmos no futuro, vestidos de outras pessoas… só que desta vez nós estaremos no lugar daqueles que tomaram as pedradas e só então seremos capazes de abrir nossas mãos e soltarmos as pedras que ainda carregamos e que estávamos prestes a atirar em mais outras pessoas. Se tivermos sorte, se formos boas pessoas e se abrirmos os nossos olhos, especialmente para o fato de que não somos perfeitos e que erramos para caramba teremos a ombridade de fazer o caminho de volta para pedir perdão àqueles que apedrejamos… nem sempre claro as pessoas tem essa capacidade… nem todo mundo tem a empatia necessária.

Minha mãe dizia mais, minha mãe aliás era cheia dos dizeres… um dia farei um post só com os dizeres dela hahahahaha… ela dizia, quem bate esquece, quem apanha lembra. E que às vezes a gente precisa apanhar para lembrar de quem um dia a gente bateu.

Eu já passei diversas vezes por isso… e tô passando novamente por um momento desses onde a pessoa me procura e diz: Eu sinto muito ter falado isso e aquilo de vc. Me perdoe por eu ter ficado com raiva de vc… Vc tinha razão… Agora eu te entendo… Porque agora a pessoa está no lugar que eu estive, passando o que eu passei… Infelizmente existem pessoas que só aprendem desta forma, e por mais que eu não queira que ninguém passe pelas coisas ruins que eu já passei… eu vejo uma certa justiça poética nesses momentos. E ás vezes isso é inevitável… é o que pessoas espiritualistas chamariam de karma, lei do retorno, whatever… é o que a minha mãe chamaria de ‘aqui se faz, aqui se paga’.

Outra frase típica da minha mãe era… A verdade nunca fica escondida muito tempo, um dia ela aparece. E se vc agiu corretamente e não fez mal a ninguém, não deve nada a ninguém vc não precisa se defender de uma calúnia… um dia a verdade escala o telhado e todos vão vê-la. Então… “Antes sofrer a injuria do que praticá-la. Antes sofrer a injustiça que praticá-la.”

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Estudando pra OAB…

oab

Fala terráqueos, como vão vcs? Eu tô legal… hoje o post vai ser curtinho porque eu tenho um monte de coisas para fazer. Tenho bastante posts agendados aqui no blogue, então eu vou focar um pouquinho nos estudos.

Eu tô de férias, e acabamos de ter um feriado prolongado onde eu aproveitei para descansar. Estudei um pouco no domingo… e essa semana eu comecei a estudar mais organizadamente para o XXIV Exame de Ordem que vai rolar em Novembro. Eu fiz alguns simulados e meus conhecimentos da matéria estão bem melhores do que eu achava que estavam, o que por um lado é legal… quer dizer que eu tenho menos coisas para fazer, entretanto… eu não quero criar altas expectativas para a próxima prova…

Então daqui para frente, até o dia da prova, todos os dias, até nos finais de semana, eu vou focar em estudar, no mínimo duas, no máximo quatro horas por dia para a prova. E vamos aguardar, e vamos ver como é que eu me saio nessa minha primeira tentativa de deixar de ser apenas Bacharel em Direito e ser uma advogada diplomada.

Eu confesso que fazer a prova e ser aprovada no exame de ordem não era algo que estava nos meus planos há… digamos, uns… três anos atrás. Na verdade, eu nunca quis advogar nem nada, e meu pai e meus irmãos viviam me pentelhando para eu fazer a prova, porque a Carteira da Ordem isso e aquilo e blábláblá…  Diversos amigos também ficavam me falando que eu tinha que fazer por isto e por aquilo.

Mas a verdade, e o mais importante é que, em primeiro lugar eu encarei cinco anos de faculdade de Direito porque minha mãe me mandou fazer, eu nem queria cursar Direito. Não me arrependo de ter feito a faculdade me ajudou e ajuda para caramba até hoje e me abriu diversas portas. Mas não era o que eu queria ter feito lá em 2006 quando eu entrei na faculdade Segundo, por conseguinte eu não queria advogar e terceiro… quando eu terminei a faculdade eu estava tão cansada, tão doente, tão endividada com a cabeça tão cheia  de problemas e minhocas e deprimida que sério… a última coisa que eu queria era ter que estudar mais dois ou três anos, para pegar a diaba da carteira e ter que pagar uma anuidade caríssima… sem ter grana para tal e sem ter perspectiva, nem vontade de usar essa carteira para nada. Tudo o que eu queria nessa época (lá pra 2010) era descansar e ter um pouco de paz na minha vida.

E sinceramente, teve uma época que eu fiquei tão mal que eu cheguei a duvidar que eu vivesse mais dois ou três anos. Credo Shao!!! Eu sei… soa pessimista, mas era assim que eu sentia na época. Eu perdi a conta das vezes que eu fui parar no hospital, perdi a conta das vezes que eu fiquei internada em observação, perdi a conta das vezes que eu tomei bronca dos médicos por não estar me cuidando direito. Perdi a conta das vezes que me disseram que eu poderia ficar cega, perder um rim, perder uma perna e por aí vai…

Sério, eu só fui ficar melhor, da saúde e da depressão que eu tava de três anos para cá depois de muito esforço, de muita oração… eu estava no fundo do poço, foi uma escalada demorada e dolorida, que eu ainda estou travando… eu às vezes sinto que eu ainda não alcancei a saída do poço, porque de vez em quando alguma coisa dá errado e eu sinto que eu meio que desmorono e perco as forças e perco as esperanças e fico doente de novo (como há duas semanas atrás que eu fui de novo parar no hospital e fiquei de cama vários dias) mas finalmente eu finalmente sinto que eu estou bem melhor.

E de uns dois anos para cá eu achei que seria legal para mim, seria bastante motivador eu ter um objetivo palpável. Entretanto eu estava meio perdida, sem saber o que fazer… então eu comecei a fazer a minha pós-graduação, numa área que eu curto… e quando eu terminei eu precisava determinar meu próximo passo. Então eu pensei… uai, porque não o diacho da carteira da ordem? Eu comecei a me questionar… será, que se eu investisse um tempinho e algum estudo neste projeto, será que eu era capaz de passar? Pessoal fala tanto que é difícil, que é complicado (e eu não duvido que seja) ser aprovado no exame de ordem… será que eu consigo???

E eu me senti meio desafiada, por mim mesma, é bacana ter um objetivo. Então, começamos os estudos esta semana e vamos embora, até passar, porque agora eu cismei que eu quero passar nessa prova. E eu vou estudar periodicamente… todos os dias… até passar… Bom, a princípio eu vou estudar pelo menos até o final do ano que vem. E vamos ver no que dá… Eu não sei o que eu vou fazer depois, e se eu for aprovada hahahahahaha. Mas vamos um passo de cada vez, depois a gente vê isso.

Vou terminando este post por aqui porque ele ficou mais longo o que eu esperava… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Quer fazer parte da vida de alguém para sempre???

 

frases3

Fala terráqueos… como vão vcs. Eu espero que vcs estejam legal… eu estou aqui escrevendo um pouquinho antes de ir dormir porque amanhã no meu calendário ainda é quinta-feira e dia de trabalho. Eu sei que para vcs amanhã é quarta mas para mim amanhã é quinta. Vamos filosofar um pouquinho hoje então? Enquanto não dá minha hora de dormir…

Esses dias eu estava pensando nas coisas, pensando na vida… esses dias eu escrevi um post falando sobre nos afastarmos das pessoas, porque isso às vezes acontece… e tal… se quiserem podem ler este post clicando aqui. De como às vezes não queremos nos afastar das pessoas mas é necessário para o nosso próprio bem. Existem pessoas que são tóxicas e só fazem mal para quem as cercam isso é fato e às vezes vc tenta ajudar essas pessoas permanecendo na vida delas, estendendo a mão, sendo amigo e só o que vc recebe em troca é essa pessoa sempre envenenando a sua vida e te fazendo mal e é por isso (entre outras razões) que temos que nos afastar às vezes.

Mas tia Shao eu não quero ser uma pessoa tóxica, entretanto de vez em quando eu magoo as pessoas ao meu redor, eu perco amigos… não é de propósito. E eu queria que as pessoas ficassem na minha vida. Eu tô cansado de perder amigos. Então vc já deu o primeiro passo… vc tem que antes de mais nada se ajudar… para poder também deixar as outras pessoas te ajudarem. E querer que as pessoas te amem e permaneçam na sua vida é um passo muito importante. Primeiro, se vc tem um problema… procure ajuda psicológica. Dizem que todos deveríamos fazer terapia… se vc tem esse problema se vc sempre acaba afastando as pessoas que vc gosta… primeiro procure ajuda.

Agora outros passos importantes também… não faça certas coisas. Coisas que vão fazer com que, mais cedo ou mais tarde as pessoas cansem de vc. Por mais que a pessoa goste da gente, tudo tem limite… paciência tem limite como diria o velho ditado. Eu acredito que amor não tem limite, mas só amor de mãe tem paciência infinita mano… sinto lhe informar.

Se vc quer que uma pessoa faça parte da sua vida para sempre… vc precisa fazer algumas coisas e deixar de fazer outras… Por exemplo. Não finja sentir o que vc não sente. Seja verdadeiro com seus sentimentos. Não precisa claro… ferir ninguém dizendo… ahhh eu não gosto de vc. Mas se vc não gosta, não precisa necessariamente ser hostil, ser desagradável… e não finja que gosta por qualquer motivo. Até porque vai chegar uma hora que vc não vai conseguir sustentar a farsa e a pessoa vai acabar percebendo que vc não gosta dela por mais distraída que a pessoa seja.

Se vc tem aquele amigo que tá sempre te botando pra baixo, te diminuindo, fazendo piadinha ofensiva, comparando vc com ele de modo a te humilhar ou a tentar dizer que vc tem mais que ele e demonstrando certa inveja… a pessoa tem que ser muito tapada para não perceber que esse ‘amigo’ não gosta dela de verdade.

Outra coisa que não funciona é vc tentar fingir ser quem vc não é… Não finja ser atirado e engraçado se vc não é assim, seja tímido e calado se esse é o seu jeito. Não passe uma imagem falsa. Não finja ser quem vc não é e não tenta ser quem vc não é para deixar a pessoa feliz, isso vai deixar vc infeliz e vc vai começar a se ressentir com a pessoa. Outra coisa que vc jamais deve fazer… nenhum amigo verdadeiro faz isso… Não fale mal da pessoa, especialmente pelas costas… fale o que precisa ser dito diretamente para a pessoa especialmente se for uma coisa chata, e fale em particular… e fale bem dela para as outras pessoas. Não fale mal… Porque se vc faz isso, vc não é o tipo de pessoa em quem se pode confiar. a gente descobre quem realmente gosta da gente pelo que essa pessoa fala de nós na nossa ausência.

E se vc tem um ‘amigo’ que fala mal de outro ‘amigo’ para vc… cuidado com essa pessoa, certeza que ela deve falar de vc pra esse amigo. Infelizmente todas essas coisas já aconteceram comigo portanto eu falo porque já passei pela experiência. Como minha mãe sempre dizia… para vc ter amigo, é preciso primeiro vc ser amigo. E neste mundo que vivemos está cada vez mais difícil encontrar pessoas amigas de verdade. Por isso eu valorizo meus amigos… e procuro me esforçar, para todos os dias ser uma pessoa melhor e ser digna da amizade deles. Até mesmo porque ninguém é perfeito.

Todos os dias a gente faz uma besteira, pisa na bola… e temos que aprender a pedirmos desculpas para a pessoa que a gente magoou e torcer para aquela pessoa ter um coração grande e nos desculpar. O mundo hoje com tantas tecnologias e redes sociais torna extremamente fácil conectar as pessoas, mas ao mesmo tempo é bem fácil também cortar uma pessoa do seu convívio online e mesmo da sua convivência cotidiana no mundo real. As pessoas estão cada vez mais descartáveis dentro da sociedade que vivemos… uma pena…

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Folha Demite Repórter… qual a razão?

dadsdasdae

Fala terráqueos beleza? Eu espero que vcs estejam bem. Eu tô de férias então eu tô ótima. Acabou o feriado… eu tinha prometido para mim mesma que eu ia ficar os quatro dias do feriado descansando mas, eu só consegui ficar três dias sem fazer nada só vendo série, lendo, jogando videogame e navegando na internet. E dormindo claro… Hoje eu acordei cedo mesmo sendo domingo (e eu sei que vcs estão lendo este post na segunda) e passei o dia todo com a cara enfiada nos livros.

Ou quase o dia todo, porque eu fiz uma pausa para comer porque já ta me dando hipoglicemia… e para assistir uns documentários. Depois voltei a estudar mais um pouco e agora eu fiz outra pausa eu tenho que jantar e eu tô vendo outro filme… mas acho que vou pegar mais um pouco nos cadernos antes de terminar a noite. Pois é… eu não consigo ficar muito tempo longe dos estudos, meus irmãos dizem que é o meu hobby, estudar. Me julguem.

Mas como sempre nem era disso que eu queria falar neste texto. Como eu disse eu estava navegando na internet e eu dei de cara com a notícia hoje de tarde que um jornalista da Folha foi demitido depois de fazer uma entrevista tendenciosa com o humorista Danilo Gentili. Porque o Danilo escreve um livro que acabou virando m filme que estreou no feriado. E como todo filme que é lançado tem aquela coletiva de imprensa onde eles falam do filme e onde geralmente os atores, diretores e produtores tem que responder às mesmas perguntas o dia todo…

Acontece que o ex-Repórter da Folha, Diego Bargas depois da entrevista publicou uma matéria descendo a lenha no filme e tal…(clique aqui para ler a reportagem dele). Eu não cheguei a ler a reportagem antes da polêmica toda, da demissão e o caramba porque… sinceramente o filme não me interessou nem um pouco. Semana passada eu fui ao cinema ver “It” e passou o trailer deste filme eu achei bem besta, bem retardado… jamais que eu ia gastar a minha grana para ver este filme no cinema. Então nenhuma reportagem referente ao lançamento deste filme em particular me chamou a atenção então eu não li nada sobre critica nem nada…

E então hoje eu li que o repórter foi demitido… aparentemente, depois de ler a matéria o próprio comediante Danilo Gentili publicou o vídeo da entrevista. E acusando o cara de já ter começado a entrevista com o texto da matéria pronto. Se vc apenas lê a reportagem do tal Diego Bargas vc nem acha nada demais, parece simplesmente um cara que não curtiu o filme e que não é muito fã do Danilo. Eu consigo me relacionar… Porque só pelo trailer eu já achei que o filme seria uma bosta, e eu não sou muito fã também do Danilo Gentili… eu não tenho nada contra ele, e ele é um cara super bem sucedido na carreira que ele escolheu, mas eu não o acho um comediante extremamente engraçado.

E o Danilo e um cara controverso daqueles que tem gente que ama e tem gente que odeia. Ele é de direita, e ele faz questão de deixar isso bem claro… logo ele é extremamente atacado pelos militantes de esquerda. E claro, ele é extremamente defendido pelos militantes de direita. 

Então quando vc lê a reportagem isoladamente vc não percebe todo esse background. Mas quando vc vê o vídeo e vc manja de todo esse contexto de polarização esquerda vs direita que está acontecendo na sociedade ultimamente, e vc sabe do histórico do jornalista e do histórico do Gentili e vc vê o vídeo vc vê que… as questões que o jornalista estava fazendo para o Danilo não tinham nada a ver com o filme, tinham muito a ver com política e que ele ficava, de forma bem explícita tentando arrancar conexões políticas, motivos ocultos, mensagens subliminares direitistas no filme.

Teve um momento que ele perguntou porque eles não tinham convidado outras figuras polêmicas além do Danilo para participar do filme e ele cita três figuras de extrema direita… entre elas Raquel Sherazade e o Alexandre Frota… o outro eu não lembro. A resposta do produtor é que eles convidaram atores que eles consideravam extremamente talentosos. No final das contas o Danilo perdeu a esportiva com o cara e disse que ele obviamente já tinha a reportagem pronta… porque aparentemente ele não estava interessado em responder aquele tipo de questionamento sendo que o repórter já estava com a opinião firmada e tal.

Daí passa um tempinho… o cara posta nas suas redes sociais que foi demitido da Folha de São Paulo… E eu me questiono, ele foi demitido por causa da matéria? Por ter sido ostensivamente de esquerda? Por não ter soado muito profissional? Na verdade nunca saberemos… Eu acho até que é uma questão particular, acho que nem a filha nem o repórter querem que a razão da demissão venha à tona. Não deve ser bacana para nenhuma das partes.

Mas para mim a questão nem é essa… Não me importo se o jornalista é de esquerda ou não e se o Danilo é de direita. Isso de mídia isenta, que ouve e reflete os dois lados da historia não existe e nem nunca vai existir e isto é fato. O que existe são meios de jornalismo tradicional ou digital que contratam repórteres que estejam mais ou menos alinhados aos pensamento editorial da empresa. E toda a empresa midiática quer passar essa imagem de ‘isenção’ de ‘profissionalismo’ mesmo que ela seja irreal. É o caso da Folha e de todos os outros jornais existentes… no final das contas ela vai refletir a opinião do jornalista, do editor… da linha editorial. A questão é… mano, olha em que ponto chegamos com os ódios e os extremismos! E infelizmente eu acho que ainda não atingimos o fundo do poço…

Eu venho pensando nisso tem anos… Daqui a pouco as pessoas vão começar a se esfaquear na rua por causa de idealismo. Esses dias a propaganda do OMO, sabão em pó… fez uma propaganda falando que não existia brinquedo de menina e de menino… pronto!!! Tava fazendo apologia à ideologia de gênero. Foi pedrada a torto e a direito dos movimentos conservadores. Gente pedindo pra boicotar o sabão e o caramba… Mano, na Suécia não existe esse lance de brinquedo de menina e de menino tem sei lá quantos séculos. A empresa manteve a propaganda no ar mas fez um comunicado mudando o foco para a liberdade da criança de brincar com o que quiser e tal… Mas aí já tava criado o salseiro todo.

Agora o jornalista perdeu o emprego por… não sei… acredito eu, por (aparentemente) demonstrar que pendia um pouco para a esquerda o que deve ter desagradado os donos da empresa. Fora ter perdido o emprego ele foi atacado por diversos seguidores do comediante Danilo Gentili nas redes sociais… Não sei sinceramente se o cara é esquerdista, isso nem vem ao caso. Eu vi gente dizendo que ele tinha usado o seu veículo de trabalho para espalhar a sua ideologia e que era bem feito que ele tinha se ferrado, perdido o emprego. Vi gente dizendo também que ele era um trabalhador e o Danilo um artista e claro que a corda tinha que estourar para o lado mais fraco… e blábláblá.

O ponto é que… hoje em dia se vc exprime a sua opinião, e nem precisa ser de forma contundente tá? Vc pode até pegar leve na hora de declarar no que vc acredita. Vc poder mesmo ser respeitoso. Vc vai atrair ódio do lado oposto. Eu já sofri ataque de ambos os lados da direita e da esquerda raivosa porque eu tendo a ter uma postura mais moderada, mais de centro…

E eu tenho evitado ao máximo declarar o que eu penso em redes sociais e tal primeiro, porque enche o saco dos outros. Eu já tô de saco cheio… imagino que muita gente também esteja. Segundo porque a gente tá sim vivendo num mundo onde vc pode se prejudicar, perder seu emprego, seu ganha pão, a vaga na universidade, sua professora orientadora do TCC pode te reprovar, se vc discordar do que aquela pessoa tá dizendo. Geralmente eu exponho o que eu penso, em casa numa conversa com a minha família, no barzinho com meus amigos… e geralmente para pessoas que eu sei que mesmo que discordem de mim, me respeitam e que me permitem ter uma opinião divergente da deles… da mesma forma que eu respeito e não tento impor meu pensamento, minha religião, minha ideologia a quem quer que seja.

A intolerância domina… e pessoas como eu e meus amigos somos cada vez mais uma minoria espremida entre dois cordões de ódio que ficam gritando para que nós façamos a nossa escolha entre um e outro. Bom… eu, não escolho nenhum lado insano. Eu escolho a temperança, eu escolho respeitar quem pensa diferente de mim. Mas no momento, é um lugar bem solitário para se estar.

 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Nerdices: Filme – Anabelle 2 – A Criação do Mal

Annabelle2

Fala terráqueos, como vão vcs… como eu havia prometido, toda a vez que eu fosse ao cinema eu ia escrever aqui sobre o filme para vcs. Então aqui vai mais um filme que eu fui ver no cinema. No primeiro semestre deste ano eu não fui muito ao cinema mas agora no segundo semestre eu até que tenho ido bastante hahahahaha tô com mais tempo livre agora… Não tanto quanto eu gostaria, mas enfim… este filme em especial eu tinha que ver. E eu estava doida esperando ele estrear para ver.

Faz parte de uma saga… Tivemos primeiro “Invocação do Mal”, depois tivemos “Anabelle” e então tivemos “Invocação do Mal 2” e agora “Anabelle 2” (eu sei que o nome não é esse mas é assim que eu vou chamar hahahaha. Primeiro… esse filme não é uma continuação ele é uma ‘prequel’. Este filme conta a história de como a boneca Anabelle foi feita… e é uma história bem triste. Ele acontece muitos anos antes de terem acontecido os eventos do primeiro filme e ele termina exatamente onde começou o primeiro filme.

Então bora lá… eu gostei do filme, não me arrependo de ter ido ver… mas eu não achei ele tão legal quanto o primeiro. Eu achei que em termos de história, de narrativa o primeiro filme é bem mais bacana a narrativa, os personagens foram muito bem trabalhados. Não que o segundo filme não tenha uma história, ele tem… mas é uma história mais fraquinha. Tem diversos personagens e nenhum deles tem a história contada assim de forma mais aprofundada…

Eu não tomei nenhum susto durante todo o filme. Acho que o que mais me deixou meio assim com o filme foi que ele tem aquela vibe de ‘mais do mesmo’. Mas o filme não é ruim é bom… poderia ter sido melhor? Poderia… por exemplo… “Invocação do Mal 2” é muito mais foda que “Invocação do Mal”. O Carlos meu irmão disse que ele achou que faltou o casal Waren no filme hahahahaha. Verdade que o mais legal desses dois filmes que eu citei era o casal Waren mesmo! Não sei…

A história do filme é mais ou menos assim. O filme se passa (aparentemente, eu não tenho certeza) nos anos 50 (ou 60 mas tem essa vibe), e temos um casal feliz, um casal bem cristão, que vai sempre à igreja, que participa das coisas da comunidade e tal… com a sua filhinha de uns seis anos de idade. Até que a tragédia se abate sobre a família. A menininha morre num acidente infeliz. O pai da menininha ele faz bonecas de porcelana, tipo esse era o trabalho dele. Ele tinha encomendas e o caramba.

Então, após a morte da filha deles, que se chama Anabelle, coisas estranhas começam a acontecer na casa… eles acham que é o fantasma da menina, mas clado que não é… é o capeta claro!! E é então é aí que as coisas ficam mal explicadas no filme. Obviamente o capeta entra na boneca e causa toda a tragédia e o povo em vez de se livrar da boneca, tranca ela na casa e abre a casa para receber crianças de um orfanato. Daí vc pensa… vai dar merda sim ou claro??? Claro…

E é aí que as coisas começam a dar merda também. Capeta começa a fazer estripulias no filme e quem tem medo toma vários sustos hahahahaha. E eu não posso falar muito mais porque não quero dar spoiler do filme e apesar dele não ser tão bom quanto o primeiro ele ainda é muito, muito, muito bom e vale a pena assistir. Como eu disse, sem dar spoiler do final ele termina quando começa o outro filme… então o final dele não faz muito sentido para quem não assistiu ao primeiro filme e claro ele te passa uma sensação de uma coisa não terminada… mas a proposta é justamente esta eu acho… Deve ser bem legal fazer uma maratona pegar Anabelle 1 e depois o 2 e assistir eles assim em sequencia num final de semana. Enfim é um filme muito bacana e é imperdível para quem é fã do gênero.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

SUPERNATURAL – Episódios Favoritos 3ª Temporada

Movies_Films_S_Supernatural_New_Season_026500_

Fala terráqueos, como vão vcs? Espero que vc estejam bem… eu tô em casa doente… gripe e hipoglicemia. E portanto tô meio que de castigo, meio que de cama… eu procuro não ficar deitada porque senão depois eu fico com fraqueza. Infelizmente o único remédio para gripe é… vitamina C e cama… e eu não posso me entregar para a doença eu tenho ainda dois dias para ir trabalhar. Eu tô escrevendo este post numa quarta-feira. Eu sei que para vcs ainda é terça, mas para mim é sábado.

E hoje eu nem vou enrolar muito porque esses posts que eu faço de séries acabam ficando extremamente longos. Eles dão um trabalhão para escrever. Porque às vezes eu não me lembro do que aconteceu em determinado episódio (especialmente em séries longas como Supernatural que estamos indo para a décima terceira temporada) e eu tenho que assistir novamente o episódio (felizmente esta série específica tem todas as temporadas na Netflix – até a décima primeira, acho que a décima segunda deve estar disponível até final do ano).

No post anterior (clique aqui para ler) se vcs se lembram eu listei todos os episódios, segunda temporada é uma que eu curti todos os episódios. Bora pra terceira então??? Vamos relembrar quais episódios desta temporada eu mais gostei. Terceira temporada é uma das minhas favoritas… então pode ser que eu liste todos os episódios novamente. Mas esta temporada é mais curta que as demais porque no ano que ela foi ao ar teve aquele problema da greve dos roteiristas das séries de TV e ela teve apenas 16 episódios.

EPISÓDIO 1 – OS SETE DEMÔNIOS CAPITAIS: Um das melhores inícios de temporada de todos. Meu início de temporada favorito aliás… No último episódio da segunda temporada o portão para o inferno se abriu pela primeira vez em milênios e coisas horríveis (que nossos heróis não sabem o que são) saíram de lá… No começo desse episódio descobrimos que demônios milenares escaparam entre eles os sete demônios que são os pecados capitais, que caso vc não saiba são os sete pecados descritos nos dez mandamentos. A premissa desse episódio é justamente esta e se esses pecados fossem na verdade DEMÔNIOS? Sam e Dean vão ter que caçar esses demônios Preguiça, Vaidade, Luxúria, Inveja, Gula, Ira e Avareza e mandá-los de volta para o inferno. Mas não é só isso que acontece neste episódio, temos Bob sendo o cara como sempre, temos Sam querendo salvar Dean de ir para o inferno em um ano por ter vendido sua alma na última temporada. Temos Dean parecendo que não está nem aí para o que está acontecendo com ele. Mas descobrimos no final que no acordo que ele fez com um demônio estava implícito que se ele tentasse encontrar uma forma de escapar do acordo Sam iria morrer. E temos ainda uma demônia que aparece do nada salva a vida de Sam com uma faca que mata demônios e depois fala para o Sam que conhece um jeito de ajudá-lo a salvar o irmão.  Como eu disse… é um dos melhores inícios de temporada de todas as temporadas e é um dos melhores episódios de toda a série!!! Vale muito a pena ver!!! 

EPISÓDIO 2 – CASO DO PASSADO: É um episódio bacaninha este, não é extraordinário,  mas é importante para a storyline da série. Porque neste episódio conhecemos uma garota por quem Dean foi apaixonadinho quando ele era mais novo. Eles vêem uma notícia no jornal e descobrem um caso estranho acontecendo na cidade. Sam quer procurar uma forma de salvar Dean enquanto Dean quer ir resolver este caso na cidade e rever Lisa (e o filho dela Dean, que é a cara do Dean). Neste episódio temos criaturas malignas chamadas CHANGELINGS. Elas sequestram as crianças e tomam o lugar delas nas casas e se alimentam da força vital das mães das crianças até que elas morram, e também elas matam todos aqueles que se colocam no caminho entre elas e as vítimas que no caso são as mães. E Sam e Dean vão ter que caçar e matar essas coisas, e a única forma de fazer isso é matando a mãe dos monstrinhos. Também temos a volta da demônia, que descobrimos chamar-se Ruby e ela diz ao Sam (que está interessadíssimo na faca mata-demônios que ela tem), claro que Sam não sabe que ela é uma demônia, ele acha que ela é uma caçadora. E ela coloca uma pulga atrás da orelha do Sam sobre a história dele com o Demônio dos olhos amarelos… 

EPISÓDIO 3 – ASSALTO NO DEPÓSITO: Outro dos meus episódios favoritos desta temporada e de todas as temporadas também. É um daqueles que mistura terror, com comédia com situações impensáveis. Sam e Dean recebem uma ligação no celular antigo do pai deles dizendo que um dos armazéns deles foi arrombado. Eles vão até a cidade ver o que está acontecendo e descobrem que foi roubada do local uma caixa que tinha dentro um OBJETO AMALDIÇOADO. Eles tentam encontrar os ladrões antes deles abrirem a caixa mas eles não conseguem… E nada mais é que um pé de coelho amaldiçoado que quando vc o encontra vc vira o cara mais sortudo do mundo mas quando vc o perde vc fica tão azarado que vc morre! Sam encontra o pé de coelho depois perde e Dean tem que recuperar o objeto amaldiçoado para salvar a vida do irmão. Enquanto isso Gordon (vcs lembram dele da temporada passada) que está na cadeia por causa de Sam e Dean convenceu um caçador fanático que Sam é o anticristo. Agora o azarado Sam tem que lidar com os fanáticos que querem matá-lo. É um dos episódios mais engraçados de todas as temporadas. E nele conhecemos também a personagem Bela Talbot, que vai aparecer outras vezes e dar muito pano pra manga na temporada.

EPISÓDIO 4 – CIDADE DO PECADO: Continuando a caça pelos demônios que escaparam do inferno quando as portas do inferno se abriram Sam e Dean vão parar numa cidade controlada pelo pecado. De novo Sam e Dean vão enfrentar DEMÔNIOS. Esta temporada está cheia de demônios ela é toda focada nos demônios, Dean tentando escapar de ir para o inferno por conta do pacto que ele fez para trazer o Sam de volta à vida e dos demônios em guerra entre si. Metade deles quer seduzir o Sam para que ele seja o líder demoníaco que o Azazel tinha planejado para a volta de Lúcifer!!! Neste episódio, Sam e Dean dão de cara com uma cidade completamente dominada pelo pecado e eles acham que é por conta de influências demoníacas. É um episódio bem legal para o entendimento da storyline deste ano da série.

EPISÓDIO 5 – HISTÓRIAS DE NINAR: Pulamos dois episódios aqui… que eu não curto muito, partimos para o quinto episódio. Neste Sam e Dean chegam numa cidade onde as pessoas estão morrendo de formas estranhas, mas… tem um detalhe, elas estão morrendo de maneiras exatamente iguais aos contos de fada… os irmãos acham estranho e vão investigar. Eles descobrem que na pequena cidade a filha de um médico está num coma há anos e eles começam a desconfiar que ela está por trás dessas mortes, e eles tem ainda mais certeza quando descobrem que ela ficou em coma porque a madrasta dela a envenenou. Então, a criatura que eles enfrentam neste episódio é meio que um ESPÍRITO VINGATIVO. A menina não está morta ainda, mas o espírito dela está enraivecido porque foi vítima, não obteve justiça e agora ela está matando as pessoas. Dean diz para Sam deixá-lo ir, não tentar salvá-lo. No final do episódio temos uma atitude endoidecida de Sam que invoca o demônio da encruzilhada e tenta tirar o irmão do acordo, mas não consegue… então ele mata o demônio da encruzilhada. Antes de morrer entretanto ela diz que tem um novo CHEFE no inferno, e que ele quer muito o Dean!

EPISÓDIO 6 – AFOGAMENTO SEM ÁGUA: Neste episódio temos a volta de Bela Talbot. Este episódio é bem engraçado. Várias pessoas estão morrendo afogadas mas longe de qualquer água. E todas as pessoas antes de morrerem avistam um Navio Fantasma. Sam e Dean vão investigar essas mortes e descobrem que estas pessoas foram amaldiçoadas. Eles então tem que descobrir onde está o OBJETO AMALDIÇOADO que está causando a morte das pessoas. Partes engraçadas… Dean passando mal quando Bela some com o carro dela, e perguntando para o Sam se pode atirar nele e a resposta do Sam… Não em público. Outra parte engraçada deste episódio é velhota assanhada cantando o Sam e ele totalmente desconfortável. E a Bela cantando o Dean e ele tentando odiá-la e bancando o difícil. Neste episódio aprendemos um pouco mais sobre a Bela… e ela não é na verdade tão cínica quanto quer parecer ser. E fica devendo uma aos Winchester quando eles salvam a sua vida.

EPISÓDIO 7 – SANGUE FRESCO: Esse episódio é bem tenso. Temos a volta do nosso amigo psicopata Gordon. E a volta da Bela novamente… Temos também a volta do caçador religioso que quase pegou Sam e Dean no episódio três desta mesma temporada. Sam e Dean estão caçando VAMPIROS numa cidade. Gordon que da última vez que o vimos estava preso encontra Bela, faz um acordo com ela e ela entrega onde está Sam e Dean. No meio da caçada Gordon chega e quase mata os dois irmãos. Mas os vampiros odeiam Gordon e ele vai parar nas garras do vampirão chefe que o transforma na coisa que ele mais odeia… um vampiro. Gordon já é doido normalmente… vampirado então… Ele mata todo mundo no covil e vai usar seus novos poderes vampirescos para matar os irmãos Winchester. O final do episódio é bem fofo com Dean ensinando Sam a arrumar o carro… meio que passando a tocha para ele porque ele sabe que vai morrer.

EPISÓDIO 8 – UM NATAL SOBRENATURAL: Mais um dos meus episódios favoritos desta temporada e de todas as temporadas. Sam ainda está loucamente tentando salvar Dean de ir para o inferno e Dean está tentando convencer Sam a deixar isso para lá. O natal está chegando e Dean quer comemorar o que pode ser o último natal dos irmãos juntos mas Sam não está muito afim. Aí eles vão parar numa cidadezinha onde estão acontecendo assassinatos estranhos, conectados ao Natal. O assassino entra pela chaminé vestido de papai noel, pega as pessoas coloca no saco e leva as pessoas embora… os irmãos vão investigar o caso e descobrem que DEUSES PAGÃOS estão matando pessoas na cidade e agora eles vão ter que descobrir onde estão esses deuses e como acabar com ele. No meio da confusão toda Dean diz que quer comemorar o Natal porque é o último dele e Sam diz que não pode comemorar justamente porque é o último. É um episódio especial, logo ele é mais longo que os episódios normais. Temos flashbacks de Sam e Dean crianças, descobrimos como Sam descobriu que não existia o Papai Noel e de como Dean ganhou o colar que ele usa em volta do pescoço. Melhores cenas do episódio quando os irmãos vão enfrentar os deuses, muito engraçado. E o episódio termina com aquela vibe de natal entre os irmãos.

EPISÓDIO 9 – MAGIA NEGRA: Esse episódio é bem nojentinho… e nesse episódio os irmãos Winchester vão ter que lidar com BRUXAS! Os irmãos vão investigar um caso onde uma mulher morreu de causas inexplicadas e acabam descobrindo que bruxas estão fazendo magia negra na cidadezinha para conseguirem o que querem. Entretanto o que é que as bruxas estão invocando para fazer o serviço sujo para elas?? Nada mais nada menos que um DEMÔNIO! Eu disse que ia ter demônio para caramba nesta temporada.

Temos de novo Ruby aparecendo para salvar Sam… (fiquem de olho nela) e desta vez ela salva o Dean também. E acabamos descobrindo de onde surgem os demônios, descobrindo que quase todos os demônios já foram seres humanos que em algum momento fizeram alguma espécie de pacto e foram parar no inferno. Então provavelmente o futuro de Dean quando seu ano acabar é se tornar uma das coisas que ele mais detesta, a criatura que matou a sua mãe… um demônio.

Sam descobre mais detalhes sobre o demônio que quer a alma de Dean. E que quer continuar com o plano de Azazel e libertar Lúcifer, derrotar os anjos do céu e matar todos os seres humanos da terra. Mas que não quer que Sam seja o líder que Azazel tinha planejado. Sam e Dean só se safam novamente por conta da intervenção de Ruby. No final do episódio Ruby e Dean tem uma conversa cara a cara e ela diz para ele que era humana, que ela se lembra de como era ser humana e que é por isso que ela quer ajudar ele e Dean. E que ela detesta a nova líder dos infernos que a torturou por séculos. Dean não confia nela…

EPISÓDIO 10 – SONHO MACABRO: Este episódio é bem bacana porque conheceremos mais um pouco o passado de um personagem querido Bobby Singer. Sam e Dean descobrem que Bobby está internado num hospital numa espécie de coma eles vão investigar e eles descobrem que Bobby estava investigando a morte de um médico que estava tentando curar uma síndrome de pessoas que não conseguem sonhar, mas ele usou uma erva sobrenatural e acabou viciando um cara nessa erva e o cara acabou se tornando um CAMINHANTE DOS SONHOS que basicamente é uma pessoa que pode invadir os sonhos das outras pessoas e matá-las em seus sonhos. Sam e Dean vão ter que entrar nos sonhos de Bobby para salvá-lo, mas para isso eles vão acabar revelando também seus maiores pesadelos. Bella aparece novamente neste episódio e pra ferrar ainda mais com a vida dos irmãos ela rouba a colt deles. 

EPISÓDIO 11 – DIA DA MARMOTA: Definitivamente mais um dos meus episódios favoritos. Uma pena que esta temporada foi mais curta, ela tinha de tudo para ser a melhor temporada de todas se não fosse a greve dos roteiristas. Ela teve episódios épicos. Neste episódio Sam e Dean vão novamente enfrentar o TRICKSTER (o mesmo de temporadas anteriores). Ele prende Sam e Dean numa realidade paralela, onde apenas Sam se lembra de tudo e Dean morre todos os dias. Não importa o que Sam faça para salvar o irmão ele sempre acaba morrendo. É Sam vivendo o seu pior pesadelo, ver o irmão morrer. Apesar da temática pesada é um dos episódios mais engraçados de toda a série, porque Dean morre de formas diferentes e hilárias… No final das contas Sam percebe que o Trickster quer lhe ensinar uma lição que ele aprenda a viver sem o irmão porque a morte de Dean é certa. Parece que todas as criaturas sobrenaturais querem que Sam desista de salvar o irmão, mas isto só faz com que ele fique mais disposto a salvá-lo. Melhor cena do episódio é Sam de saco cheio de tentar salvar o Dean e ele já decorou tudo o que acontece no dia e todas as possibilidades de frases que o Dean vai dizer e eles dois falando a mesma coisa ao mesmo tempo no restaurante hahahahahaha.

EPISÓDIO 12 – TERROR NA DELEGACIA: Bella roubou a Colt, agora Sam e Dean estão atrás dela tentando recuperar a arma. Mas Bella está cansada de correr dos irmãos então ela arma uma arapuca para eles e os entrega de bandeja para o Agente Henrikssen que está caçando os irmãos desde o episódio do Metamorfo… acho que lá da primeira temporada. Henrikssen prende os irmãos, e enquanto espera um helicóptero para levá-los separados para prisões federais ele ocupa a delegacia da cidade e lá ele fica vigiando os dois. Mas, existem outras criatura querendo Sam e Dean… DEMÔNIOS… o atual chefe do inferno. Ficamos finalmente sabendo o nome do demônio que quer a alma de Dean, Lilith!

Os irmãos estão presos e uma horda de demônios cerca a delegacia para tentar capturar os dois irmãos. Sam e Dean salvam o agente Henrikssen de uma possessão e ele os solta e eles transformam a delegacia num forte contra demônios. Ruby aparece tentando ajudar Sam e Dean a escaparem vivos da delegacia. Mas para tal eles tem que matar uma virgem inocente. Sam e Dean não aceitam e ela os abandona para se virarem sozinhos contra uma horda de demônios que possuiu todos os moradores da cidade. é um episódio bem tenso e conectado com a temática demoníaca desta temporada. Melhor cena de toda a série, quando os demônios invadem a delegacia, Sam e Dean prendem todos eles dentro do lugar e exorcizam todos os moradores da cidade possuídos de uma vez só com um gravador e um auto falante!!!

EPISÓDIO 13 – O FANTASMA BISSEXTO: Outro dos meus episódios favoritos… Esse é daqueles bem comédia e sem noção que não tem nada a ver com a saga dos demônios. Que lembra muito a temática da primeira temporada onde tínhamos os irmãos juntos numa cidadezinha caçando o monstro da semana. Desta vez Sam e Dean chegam numa cidadezinha para investigar uma casa assombrada onde o fantasma aparece a cada x anos e pessoas morrem. E nesta aventura bizarra Sam e Dean vão dar de cara de novo com um grupo de adolescentes que quer bancar os caça-fantasmas os mesmos que se chamavam HellHounds e agora se chamam GhostFacers… mas que só acabam colocando suas vidas em risco. Agora Sam e Dean vão ter que enfrentar um FANTASMA bem malvado que além de matar as pessoas aprisiona as almas deles e as usa para ter mais poder… e ainda tomar conta e salvar a vida dos patetas. Assistam esse episódio é muito bom.

EPISÓDIO 14 – INTERURBANO DO ALÉM: Neste episódio Sam e Dean vão investigar suicídios estranhos que estão acontecendo numa cidadezinha do interior. E eles descobrem que todas as pessoas que se mataram receberam antes de morrer uma ligação de um ente querido que tinha morrido e essas pessoas mortas estão ligando do mesmo número. O problema começa a ficar pessoal quando uma das pessoas a receber essa ligação é Dean… e quem liga para ele? John Winchester… os rapazes começam então se questionar se as ligações são reais se espíritos encontraram uma forma de se comunicar com os vivos do além. Desta vez Sam e Dean vão ter que enfrentar uma criatura chamada CROCOTTA. Uma espécie de criatura que imita seus entes queridos te arrasta para a escuridão e se alimenta da sua alma. Acho que este é o episódio mais chatinho da temporada, entretanto ele tem que ser visto pra gente entender o desespero de Dean em salvar sua alma do pacto com o demônio da encruzilhada.

EPISÓDIO 15 – CONTAGEM REGRESSIVA: O tempo de Dean está se acabando. Eles estão pegando demônios e tentando descobrir como salvar Dean. Mas… não estão dando muita sorte. Então eles dão de cara com um caso que a princípio parece uma lenda urbana. Um cara é deixado na porta do hospital sem seu rim. E então eles começam a investigar e diversas pessoas na cidade foram encontradas vivas mas sem uma parte do corpo ou então mortas com um órgão faltando. E eles se lembram de uma caçada que o pai deles fez quando eles eram crianças. Onde ele caçou um médico obcecado por descobrir o segredo da vida eterna através da alquimia e ele aparentemente foi bem sucedido. Então neste episódio eles vão enfrentar um MÉDICO ZUMBI.

Sam e Dean acabam se separando durante a caçada… Dean vai atrás de Bella e Sam fica para caçar o médico e descobrir como ele faz para ficar vivo para sempre e tentar com isso enganar a morte e evitar que Dean vá para o inferno.

EPISÓDIO 16 – ACERTO DE CONTAS: Final de temporada… e um dos melhores finais de temporada de todos. Apesar de ser um final de temporada bem tenso e triste ele é bem dinâmico um monte de coisas acontecendo ao mesmo tempo e vários ganchos deixados para a temporada seguinte (que dizem os críticos, que é a melhor temporada de Supernatural e que deveria ter sido a última… eu como fã da série que quer vê-la continuando por muitos mais anos discordo completamente hahahahaha). Essa temporada toda Dean estava com os dias contados para ter sua alma levada para o inferno pelo demônho da encruzilhada. Certo… chegou o dia de Dean pagar o preço pelo pacto. Sam e Bobby estão tentando de tudo para salvar Dean, chegando a hora de morrer Dean começa a ter alucinações e o plano de Sam é matar Lilith para que ela não mate o irmão e para isso ele começa a confiar e contar mais com a ajuda de quem??? Rubby (péssima ideia Sammy). Falando em Lilith, veremos mais dela e saberemos mais sobre ela neste episódio…

É um dos episódios mais perturbadores da série e olha de Supernatural tem diversos episódios perturbadores. Neste episódio vc percebe um pouco mais de como os demônios são malignos. E também começamos a ter uma ideia de como Bobby é foda… e temos a frase épica do Bobby “Família não é apenas quem tem o mesmo sangue…” e temos a cena dos irmãos se despedindo um do outro cantando “Wanted Dead or Alive” do Bon Jovi.

Eu não posso descrever esse episódio muito porque senão estraga toda a dinâmica e revela coisas demais. Mas… eu posso dizer uma coisa é um final de temporada épico e merece ser assistido diversas vezes!!!

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Meta de Leitura: Livro 13 – “A Hidden Secret” – Linda Castillo

hidden secret

Fala terráqueos como vão vcs? Eu espero que estejam bem. Faz tempo que eu não posto aqui os livros que eu tenho lido… e a razão é bem simples, eu tive que me concentrar no meu TCC da pós graduação por quatro meses consecutivos, por conseguinte eu não tive tempo para mais nada, eu fiquei sem ir para a academia e sem pegar em nenhum dos meus livros… só peguei livros referentes à faculdade… durante este período.

Mas, agora o TCC tá entregue, final dessa semana eu tenho a prova final para fazer… então podemos voltar à nossa programação normal da nossa meta de leitura. Fora isso eu tirei uns dias nesse feriadão para descansar depois de meses trabalhando feito uma louca então eu terminei de ler mais um livro…

Então este é o décimo terceiro livro do ano da minha lista de 24… eu não sei se eu vou conseguir ler 24 livros este ano por conta da parada de quatro meses que eu dei. De acordo com meus cálculos eu já devia ter lido pelo menos dezoito e eu li apenas treze. Pode ser que eu consiga poder ser que não… veremos. Então, nosso décimo terceiro livro do ano, na verdade não é um livro, um romance muito longo… é uma história curta que provavelmente a autora publicou entre um livro e outro, com uma aventura solta da chefe de polícia Kate Burkholder.

Diferentemente dos demais livros onde Kate tem que resolver crimes horrendos, assassinatos e serial killers, neste Kate tem que resolver um caso que necessita de mais tato… Uma criança recém-nascida é abandonada na porta do Bispo da comunidade Amish… Kate é chamada para atender o caso e ela agora vai ter que investigar quem são os pais daquele bebê abandonado… Por que a criança foi abandonada? Serão os pais do bebê membros da comunidade Amish?

Esse caso vai mexer com Kate muito mais do que ela esperava porque ela que até então nunca pensara em ter filhos começa a se questionar nesse sentido. Ela admite para si mesma que sente falta de ter uma família. Eu não vou dar o plot aqui do livro porque não quero estragar. Mas este livro, ou melhor esta história curta é muito mais sobre drama pessoal que sobre crimes. Sobre adolescentes, gravidez indesejada e como lidar com todas essas coisas. É uma história bem curtinha mesmo mas nem por isso é menos legal e menos intrigante que tudo que eu tenho lido da Linda Castillo até agora.

Infelizmente, como os demais livros dela, só tem em inglês… nenhuma editora aparentemente se interessou em trazer os livros dessa mulher para o Brasil (o que é uma pena… deveriam trazer… eu mesma adoraria traduzir as histórias dela para o português… por favor editoras tragam as obras dessa mulher para o Brasil… e me contratem para traduzir hahahahahaha). Então quem quiser ler as obras da Linda Castillo vai ter que saber (por enquanto) falar inglês.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Nerdices: Filme – Planeta dos Macados, A Guerra

5555555

Fala terráqueos, como vão vcs? Eu tô bem… tô naquela tristeza de final de feriado prolongado… o que para vcs não faz muito sentido porque vcs estão lendo este texto numa quinta-feira de feriado prolongado, acontece que eu estou escrevendo este post num domingo finalzinho do feriado de independência… mais de um mês antes deste post ser efetivamente publicado.

Eu não estou muito, muito adiantada nas postagens daqui no post… eu tenho neste exato momento agendados trinta e dois posts neste blogue. São mais que trinta posts mas não são os sessenta posts que eu gostaria de deixar agendados… caraca Shao sessenta? É… nos meus sonhos eu gostaria de deixar aqui no blogue agendados pelo menos sessenta posts. Talvez agora que eu não vou ter que ralar tanto nos estudos… ralarei ainda… porque dentro de uma semana eu pretendo começar a estudar para a prova da ordem. Mas não tanto quanto eu estava ralando para a entrega do TCC.

Mas como sempre nem era disso que eu queria falar neste post. No post de hoje vamos falar de mais um filme que eu fui assistir no cinema… eu fui poucas vezes no cinema este ano. Por dois motivos que eu acho que eu já citei aqui no blogue mas não custa repetir… primeiro porque eu estava bem sem tempo e segundo porque eu estava (e estou ainda…) meio sem grana. Já faz um tempinho que eu fui ao cinema assistir este filme e eu fui postergando, postergando a postagem… mas bora lá então…

Este filme é o terceiro de uma trilogia, é o filme que fecha a história do macaco César… eu particularmente assisti ao primeiro, pulei o segundo e fui ao cinema assistir este terceiro porque meus irmãos e meu pai queriam… eu por livre e espontânea vontade jamais teria ido assistir ao filme. Entretanto… o filme é muito bacana. O ideal claro seria assistir toda a trilogia para entender toda a storyline da coisa… Dá para assistir assim aleatoriamente sem ter visto os anteriores? Dá, mas em alguns momentos vc vai ficar boiando porque tem vários links com os filmes anteriores.

Mas o filme é bacana… tão bacana que me deixou com vontade de fazer uma maratona e assistir todos os filmes desta trilogia para entender a história toda. Até porque eu curto filmes desta temática de ficção científica. O filme é relativamente longo e tem algumas cenas que deixam ele cansativo de vez em quando… mas dá para entender que são cenas necessárias para o filme…

Enfim… a história do filme é mais ou menos assim… Os humanos e os macacos estão em franca guerra, o vírus que fez com que os macacos evoluíssem para seres pensantes está mudando novamente e está causando alguns problemas para os seres humanos. Eu não vou falar o que ele (o vírus) está fazendo para não estragar o plot final do filme…

E os macacos não querem mais guerrear, eles estão em fuga procurando tipo, uma terra prometida, onde eles poderão viver em paz longe dos seres humanos. Mas para tal eles vão ter enfrentar um General louco guiando um bando grande de soldados, que quer porque quer matar toda a macacada… Ele tem as razões dele para tal… mas essas razões só serão reveladas no final do filme e portanto eu não vou falar disto também hahahahaha.

Mas o filme é bem bacana. Apesar de eu não ter visto o segundo filme, eu vi o primeiro e ele é melhor que o primeiro. Então eu recomendo sim este filme, achei ele bem bacana! 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Causos de Família: O ovo e a feira…

ovos

Fala galera, como vão vcs? Eu tô legal… aproveitando meu sabadão (eu sei que para vcs é quarta-feira mas para mim é sabadão depois do feriado prolongado, depois que eu lavei toda a roupa da semana, quer dizer, não toda… metade porque eu já tinha lavado um pouco na quarta-feira… então tive poucas tarefas domésticas hoje e estou aproveitando para descansar esse feriadão porque segunda que vem começa novamente a agonia de rato do Cartão de Estacionamento do Idoso na Prefeiturolândia e eu começo a contagem regressiva para a minha prova final da pós que vai acontecer sábado que vem.

Mas como sempre nem era disso que eu queria falar neste post… Hoje eu quero contar mais um causo. Vcs digam se é engraçado ou não, na época eu achei engraçado, logo em seguida não e hoje eu acho engraçado novamente. Quando meus irmãos eram pequenos… uns cinco seis anos por aí… eu tinha que tomar conta deles. E eu tinha que inventar trocentas atividades para eles para distraí-los. Mas nem sempre eu tinha boas idéias… hhahahahaha, eu era adolescente e às vezes eu tinha idéias péssimas.

Uma vez eles me perguntaram o que eu fazia para me divertir e eu fui cair na besteira de contar para eles o que eu e meus primos fazíamos quando a gente era criança. Duas coisas que a gente fazia… uma, era jogar ovo nas pessoas que passavam na rua… maldade eu sei. Se serve para consolo para vcs a gente era muito ruim de mira e nunca acertamos em ninguém. Outra coisa que a gente fazia era jogar balões com água nas pessoas… também erramos todos para o bem geral da nação (não façam isso com as pessoas… nós éramos crianças, e idiotas… felizmente a gente cresce).

Só que eu tinha que cometer a rematada loucura de contar isso para os meus irmãos. E a gente mora num apartamento, no quinto andar… e a janela dá para a avenida. E de sábado, temos feira-livre aqui na rua… o que foi que os bonitos fizeram ? Com a minha ajuda claro, eu não me eximo da minha parte nesta peraltice hahahahaha… Eles pegaram ovos na geladeira (mentira, eles não pegaram eu que dei… hahahahaha. E jogaram da janela, em pleno meio dia que é quando a feira tá parecendo um formigueiro. Felizmente… eles tinham a mira tão péssima quanto a minha e eles não acertaram ninguém.

Sabe quando o ovo vai caindo e vc pensa, ai vai cair na cabeça de alguém, aí ele cai bem naquele único espaço vazio existente e vc fica UFA! De qualquer forma… minha mãe descobriu e adivinha quem apanhou? Eu né! Claro… eles apanharam um pouquinho também, mas eu apanhei mais porque eu era a mais velha e eu era responsável por eles e eu deveria estar tomando conta deles e não ensinando eles a fazer o que não presta. Palavras dela! Hoje é engraçado e a gente ri junto do que aconteceu… mais uma aventura conjunta para mim e meus irmãos… mas na época a gente apanhou hahahaha. 

Vou terminando este post por aqui. Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao