Eu vou no Show da Laura Pausini

laura

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Tô me recuperando da gripe… Mas como sempre nem era disso que eu queria falar neste post, eu queria falar que EU VOU NO SHOW DA LAURA PAUSINI EM AGOSTO!!! UHUUUU!!! Vai ser a terceira vez que eu vou ver a Laura cantando ao vivo… é a quarta vez que eu vou ver a italiana cantando… Primeira vez foi em 2009, segunda vez em 2012 e a terceira foi em 2014… Teve outra turnê aqui no Brasil em 2015, que eu infelizmente não fui e me arrependi de não ter ido.

Nossa, faz três anos que ela não vem ao Brasil… ela fez uma pausa Mas isso nem é importante, o importante é que eu vou no show! Os shows dela são sempre maravilhosos… ela é uma performer maravilhosa também. Pior que… depois dos últimos shows que eu fui do Bon Jovi e do Roupa Nova eu jurei que eu não ia mais em show nenhum porque eu fiquei cansada pra caramba, eu tinha decidido que eu estava velha demais para essas coisas hahahaha, mas vá lá… vamos mais uma vez hahahahaha. Para piorar a situação os shows dessa vez são numa segunda-feira, ou seja, eu vou ficar parecendo um zumbi no trabalho na terça (talvez eu devesse pegar uma folga? Não sei… veremos… ainda falta muito para Agosto – Vcs estão lendo este post em Junho, mas eu estou escrevendo em Março, capaz de quando vcs estiverem lendo a venda dos ingressos já estejam esgotados).

Esses shows bacanas são sempre assim vc tem sempre que comprar os ingressos com muita antecedência. Meus irmãos não quiseram ir comigo dessa vez então eu vou com uma amiga. E eu tenho certeza que vai ser muito, muito bacana e vai valer a pena o cansaço posterior. Como eu sou pobre e os ingressos para ao show da Laura estão muito caros, eu vou no setor mais baratinho… 110 reais meia entrada… lá na plateia superior, mas tá valendo, o importante é estar lá…

Claro que eu queria poder ir assistir bem lá na frente, na cara do palco, mas tá muito caro, mesmo a meia entrada, 350 reais (sim a inteira, na frente do palco está custando 700 reais). Eu não tô podendo gastar 350 (muito menos 700) num ingresso de show… pelo menos não no momento. Eu prometo que na semana mesmo depois do show eu posto aqui para vcs um texto contando como foi.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Anúncios

Série Antiga: Poderosa Isis

ISIS

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Eu sei que hoje é dia de falarmos de games, desenhos ou livros. Mas… eu não tava afim de falar de nenhuma dessas coisas hoje hahahaha. Entretanto vcs hão de convir comigo que a postagem de hoje não tá tão longe assim dos desenhos do passado, desenhos antigos que eu costumo postar aqui nas terças-feiras… porque hoje vamos falar de uma série antiga… que eu já falei aqui no blogue há muito tempo, há muitos anos, mas… eu não fiz um post falando especificamente da série então vamos corrigir este nosso lapso. Porque hoje vamos falar da série “Poderosa Isis” (ou ‘The Secrets of Isis’ no original em inglês).

Antes de eu começar a falar da série, deixa eu dizer para vcs que meus amigos de vez em quando me falam… nossa Shao vc lembra de cada coisa. Só alguns amigos que são ligeiramente mais velhos que eu lembram das mesmas séries que eu hahahahaha. Ou eu tenho uma memória muito boa, ou meus amigos é que são extremamente desmemoriados. Mas como sempre nem era disso que eu queria falar… Vamos falar da série.

A série “Poderosa Isis” foi criada em exibida nos Estados Unidos em 1975 e 1976, foi uma das séries séries pioneiras em apresentar uma heroína como protagonista. Existiram outras como “A Mulher Maravilha” e “A Mulher Biônica” que também foram produzidas na mesma época. A história da séria era bem simples e era mais ou menos assim… A jovem Andréa Thomas (interpretada pela atriz Joana Cameron) é uma professora de ciências do Ensino Médio que tenta ensinar e inspirar os seus alunos… e nas horas vagas ela é uma Arqueóloga Amadora (se é que isso existe né?). Então um dia numa escavação arqueológica no Egito ela encontra um amuleto místico que no passado pertenceu à uma rainha egípcia chamada Hatshepsut, que diz a lenda, possuía diversos poderes dados a ela diretamente pela deusa Isis.

ISIS2

De acordo com a lenda, a deusa Isis prometeu que sempre protegeria a linhagem de Hatshepsut. Assim sendo, todos aqueles que fossem descendentes da rainha herdariam também os poderes de Isis através do amuleto. Quando Andréa abre a caixa com o amuleto, a joia a reconhece como uma das herdeiras dos poderes místicos de Isis. E sempre que ela precisasse ela poderia invocar os poderes da deusa e se transformar na Poderosa Isis apenas exibindo o amuleto e proferindo as palavras “Oh Poderosa Isis!”. Eu sempre fui uma criança bem nerd hahahaha e eu adorava ler sobre civilizações antigas e deuses e mitos e todas essas coisas então eu achava a série bem maneira. Hoje em dia revendo os episódios, e relembrando essa sinopse eu devo confessar que acho meio bobo hahahahaha, mas na época eu curtia muito.

isis3

Como todo herói que se preza Andréa mantinha sua identidade como a Poderosa Isis secreta e claro, ninguém ligava a professora nerd de ciências à heroína poderosa. Tipo Clark Kent e Superman e tal como Clark Kent Andréa só se transformava na Poderosa Isis longe dos olhares das outras pessoas. Mas, como sempre a heroína e a professora nunca estavam no mesmo lugar ao mesmo tempo e ninguém desconfiava disso.

Os poderes da heroína eram todos ligados à força da natureza, ao sol, à água, ao vento… E também ela sempre pedia ajuda aos antigos deuses egípcios que sem pestanejar ajudavam a moça. A série não era violenta. A Poderosa Isis não saía no braço com os vilões… a coisa mais atlética que ela fazia era correr para lá e para cá e não ficar sem fôlego hahahahaha. Os enredos das histórias que aconteciam nos 22 episódios da série eram sempre Isis usando ps poderes da natureza e dos deuses para salvar alguém ou ajudar alguém a encontrar o caminho correto na vida. A grande maioria a galera jovem da cidade, então a série tinha um monte de mensagens morais para passar para seus telespectadores.

O engraçado de toda a historia é que a única conexão do mito de Isis com a heroína da série era que no Egito Antigo a deusa Isis era protetora dos fracos, dos oprimidos, dos escravos e artesãos… era a protetora do lar, e da família. E também dela ser a senhora de todos os eventos da natureza. 

Um resumo do mito da deusa Ísis para vcs, mãe de Hórus, foi a primeira filha de Geb, o deus da Terra, e de Nut, a deusa do Firmamento. Durante algum tempo Ísis e Hator ostentaram a mesma cobertura para a cabeça. Em mitos posteriores sobre Ísis, ela teve um irmão, Osíris, que veio a tornar-se seu marido, tendo se afirmado que ela havia concebido Hórus. Ísis contribuiu para a ressurreição de Osíris quando ele foi assassinado por Seth. As suas habilidades mágicas e ajuda do deus Anúbis devolveram a vida a Osíris após ela ter reunido as diferentes partes do corpo dele que tinham sido despedaçadas e espalhadas sobre a Terra por Seth. Este mito veio a tornar-se muito importante nas crenças religiosas egípcias. Ísis também é conhecida como a deusa da simplicidade, protetora dos mortos e deusa das crianças de quem “todos os começos” surgiram, e é a senhora dos eventos mágicos e da natureza. Em mitos posteriores, os antigos egípcios acreditaram que as cheias anuais do rio Nilo ocorriam por causa das suas lágrimas de tristeza pela morte de seu marido, Osíris. Esse evento, da morte de Osíris e seu renascimento, foi revivido anualmente em rituais. Consequentemente, a adoração a Ísis estendeu-se a todas as partes do mundo greco-romano, perdurando até à supressão do paganismo na era cristã.

 

Vou terminando este post por aqui, ficou mais longo do que eu tinha planejado, espero que vcs tenham curtido… Mas antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

Utilidade Pública: Doe Sangue!

Junho Vermelho

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal…

O post de hoje é super rapidinho, porque é só mais um daqueles de utilidade pública… não sei se vcs sabem mas agora no último dia 14 de junho foi o dia nacional do doador de sangue, e aproveitando a data… o instituto Pró-Sangue e outros Hemocentros que recebem doações resolveram criar a campanha Junho Vermelho para incentivar as pessoas a doarem sangue. Especialmente nesse mês que é véspera de férias e os estoques dos bancos de sangue desses hospitais ficam com a quantidade de sangue armazenada bem baixa.

E infelizmente o trânsito brasileiro mata mais que muitas guerras em outros países… e no período de férias é a época que mais acontece acidentes por conta do aumento do número de viagens, aumento de transito nas estradas… então assim galera… nessa época muita gente precisa e doação. Então quem puder, fica aqui meu apelo para vc… seja doador… eu infelizmente por conta da diabetes não posso doar sangue. Antes de ficar doente eu doei sangue já, aqui em casa meus dois irmãos e meu pai são doadores.

É importante gente, não é só que sofre acidentes e faz cirurgia que precisa de transfusão de sangue, pessoal que tem problemas de rins e precisa fazer hemodiálise precisam, pessoas que fazem quimioterapia, pessoas que tem casos graves de anemia, hemofílicos e tantas outras doenças galera… é uma coisa que a gente geralmente não para pra pensar no dia a dia mas… é uma grande ajuda para quem tá precisando uma simples bolsa de sangue.

Eu vou deixar aqui  o link do site da Fundação Pró-Sangue para vcs… lá tem orientações para quem quiser doar, explicando quem pode e quem não pode doar… tem também os endereços de postos de coleta na sua cidade. Então fica aí este pequeno post, para pedir pra vcs doarem sangue… junta uma galera, pega um dua e vai lá fazer este ato de caridade e de cidadania.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Destino ou Acaso?

 

 

 

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Hoje é domingão (para vcs, para mim é segunda-feira… mas eu arrumei um tempinho para escrever aqui no blogue para vcs)… dia da preguiça, dia de filosofarmos né crianças? E eu acho que eu já escrevi aqui no blogue um texto semelhante mas acredito que já faz bastante tempo. Entretanto na época eu abordei o tema de uma forma diferente… eu questionei se existia acaso, destino… Agora, vamos falar de pessoas… das pessoas que encontramos em osso caminhar na existência, ou seja,  na nossa vida.

Então bora falar novamente sobre o assunto mas dessa vez vamos focar nas pessoas… No outro post (que eu procurei nos arquivos do blogue e não encontrei) eu falava da vida em geral e eu questionei se as coisas aconteciam com a gente por mero acaso, se existia destino ou se nós mesmos tínhamos a capacidade de fazer o nosso próprio destino. E esses dias eu estava conversando sobre isso com um dos meus irmãos e então no meio da conversa surgiu esse questionamento… Se existe mesmo destino, se nada é por acaso, então as pessoas que conhecemos também não é coincidência que as conhecemos certo?

Vc acredita que vc conhece as pessoas por acaso? Vc acredita em Destino? Ou tudo não passa de uma grande coincidência? Vira e mexe vc vê aquelas postagens de Redes Sociais que dizem… as pessoas que entram na nossa vida não entram na nossa vida por acaso. E eu me pergunto… será? Será mesmo? Sinceramente eu não sei… é uma daquelas perguntas sem resposta que temos na vida sabe? Só para deixar aqui registrado mesmo… eu não acredito em destino. Não cem por cento pelo menos…

Eu acredito que algumas coisas na vida a gente tem que passar, não como carma, como destino nada disso… simplesmente que algumas coisas na vida não tem como a gente escolher e temos que passar por aquilo. Como o quê Shao? Como por exemplo alguma doença que a gente já nasce com ela… como um um câncer, como a minha diabetes por exemplo. Outras a gente escolhe, como por exemplo… nossa profissão… nosso emprego.

Mas eu não acho que a gente escolhe a nossa família, a gente simplesmente nasce nela hahahahaha. Eu sempre brincava com a minha mãe que família a gente não escolhe, a gente despenca no meio dela. A gente não escolhe os amigos também… a gente cruza com tanta gente na vida… todos os dias… o que faz uma pessoa, deixar de ser apenas uma pessoa comum, um desconhecido, um conhecido… e se tornar um amigo, ou mesmo um irmão que nasceu de outra mãe? Ás vezes mais próximo da gente do que pessoas que tem o mesmo sangue, o mesmo DNA que cresceu junto e tem a mesma história…

Essa sementinha da amizade que um dia se plantou na sua vida e na da outra pessoa, será que é por acaso mesmo? Será que é simples assim? Por coincidência vcs se conheceram, e tantas afinidades ligaram essas duas vidas e a sementinha virou uma árvore gigante. Será? Não seria o… DESTINO? Shao vc não acredita em Destino… Não, eu não acredito. Existem claro religiões que acreditam que as almas das pessoas estão tão ligadas que elas convivem por vidas seguidas… e que essas almas se atraem através do universo.

Seria física então? Como as partículas de um átomo estão fisicamente conectadas e os prótons e elétrons e outras coisas se atraem e se conectam, será que… as almas também não tem essa qualidade atômica onde umas se atraem às outras? Vamos viajar na maionese só um pouquinho… então, se por causa de leis da física que ainda não conhecemos essas almas ‘semelhantes’ se atraem pelo universo… não seria nem destino nem acaso. Seria ciência.

Shao, peloamordedeus agora vc viajou não foi só um pouquinho na maionese, vc viajou foi muito mesmo… onde já se viu!! AFF!!! Calma… calma… hoje é aquele dia de a gente filosofar e viajar na maionese mesmo e pensar absurdos. Eu estava lendo outro dia uma reportagem que falava sobre as amizades e como os amigos muito próximos eram geneticamente mais parecidos entre si do que eram muitas vezes parecidos com os seus parentes. Então não é tão absurdo assim a gente pensar que certas coisas, por mais absurdas que pareçam… podem ser possíveis sim.

Eu sei que esse post ficou bem confuso hahahaha. E eu acho que eu vou terminar ele por aqui, assim mesmo… porque esse é um daqueles posts cheios de perguntas e sem nenhuma reposta. Que a gente escreve só para tirar a pulga detrás da nossa orelha e jogar ela pro mundo… pra ela permear a mente de outras pessoas, porque assim, várias cabeças pensando juntas. Quem sabe a gente acha uma resposta não é mesmo?

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Diabetes #8 – Tecnologia #3: App Glic

glicGoogle

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Sabadão gente, dia de falarmos de nerdices, de tecnologias, de coisas geeks. Como vcs sabem, eu adoro testar novas tecnologias. Eu não sou a pessoa mais antenada da face da terra, mas eu tento me manter atualizada nas coisas que acontecem no mundo da tecnologia. E como vcs sabem também eu tenho diabetes… e de vez em quando essas duas coisas se juntam…

Porque toda a vez que essa galera inteligente que inventa as coisas cria uma nova tecnologia que auxilia o controle e o tratamento da diabetes, desde que claro, caiba no meu orçamento. Muitas novidades que são lançadas no mercado são bem caras, ou complicadas de achar. E às vezes elas não chegaram no Brasil ainda… Mas, de vez em quando chegam umas coisas boas, e gratuitas. E às vezes a gente descobre elas através dos grupos nas redes sociais… foi o que aconteceu com este aplicativo que eu estou testando faz umas semanas o GLIC.

Caso vcs não saibam, uma das melhores maneiras de controlar a taxa de açúcar é controlar tudo o que vc come, fazendo a diaba da contagem de carboidratos. Não é fácil… e eu sou péssima nesse treco de fazer essas contagens… Eu já disse aqui para vcs que eu sou péssima em tudo relacionado com matemática né? Isso inclui aprender fazer essa contagem de carboidratos. Eu sei que tem uma tabela e tal e que cada alimento vale um número de pontos e que dependendo da quantidade de carboidratos vc injeta uma quantidade de insulina… mas, por mais que eu tentasse eu sempre fazia a conta errada, ou ficava com preguiça de fazer a conta…

Então é aqui nesse espaço que entra este aplicativo. Uma das coisas bacanas que esse aplicativo faz é justamente ajudar gente tapada na contagem de carboidratos. Você joga no aplicativo tudo o que vc comeu, e ele calcula a quantidade de carboidratos, de gorduras, de proteínas e de calorias que vc ingeriu, vc informa também qual o nível de açúcar no seu sangue quando vc comeu aquilo e ele te diz, quanto de insulina que vc tem que aplicar… é bem bacana para quem tem dificuldade de fazer essas contagens como eu…

E eu estou testando este aplicativo tem um mês e olha… funciona bem para caramba… se vc usa ele direitinho. E claro… vc tem que fazer a dieta direito, fazer os exercícios direito, e tomar os remédios na hora certa e aplicar a quantidade correta de insulina na hora correta também. E este mês, utilizando o aplicativo, tem sido bem bacana… Em todo esse mês, a glicemia ficou numa média diária de 120. E acho que apenas em uns dois dias desse mês a glicemia passou de 130. Teve um dia que ela chegou a 160 e num outro dia ela foi a 155… mas assim… all in all tem sido uma experiência bem bacana… Hoje por exemplo… a média do dia todo da glicemia foi de 103 a mínima foi 75 e a máxima foi de 124.

Ele é um aplicativo bem simples na verdade. E ele não te dá muitos dados para avaliar a glicemia como outros aplicativos que eu já usei e uso. Mas ele é vem útil na contagem de carboidratos. E eu estou usando ele em conjunto com outros aplicativos… os aplicativos que eu uso no momento e que eu recomendo pra quem tem diabetes e precisa de uma mãozinha, de uma ajuda para controlar os níveis de açúcar são… O Samsung Health para controlar o que eu como, para ficar dentro do limite que a Nutricionista traçou para mim, eu uso o Glimp para ler o sensor do Freestyle Libre que eu coloco no meu braço, o Glic agora para me ajudar na contagem de carboidratos, e o Diabetes:M que é o app mais completo onde eu coloco todos os dados que esses outros aplicativos me dão e é nele que eu tenho um número imenso de informações sobre os níveis de açúcar, os níveis de insulina, a quantidade de carboidratos e calorias ingeridas…

Eu acho que eu escrevi posts avaliando quase todos esses aplicativos aqui no blogue… acho que o único que eu não escrevi um texto sobre, foi o Samsung Health.. os outros eu fiz resenhas e avaliações e se vcs quiserem ler sobre cada um deles especificamente é só clicar aqui… tem diversos textos falando sobre diversos aplicativos que eu testei..

Eu tenho feito bastantes textos sobre diabetes aqui no blogue, porque nos diversos grupos de internet sobre diabetes que eu participo eu vejo bastante gente perdida, assustada com o diagnóstico. Gente, diabetes é uma doença auto imune (ou seja, uma doença causada por uma falha do seu próprio organismo, de um órgão os sistema… no caso da diabetes, quando seu pâncreas para de funcionar, para de produzir insulina e vc para sobreviver tem que injetar a insulina artificialmente) e que por enquanto ainda não tem cura… mas ela é tratável, e vc pode sim levar uma vida normal de vc se cuidar direitinho. Se vc foi diagnosticado com diabetes, não adianta sair por aí caçando receitas e chás milagrosos que “curam” a diabetes…

Vc tem que procurar ajuda médica, com uma série de especialistas – um Endocrinologista, um Nutricionista (ou um Nutrólogo), que vc vai ter que ver a cada três meses, um Professor de Educação física que vai traçar para vc uma série de exercícios que vc pode e deve fazer para ajudar no controle da diabetes. Um oftalmologista que vc vai ter que visitar uma vez por ano para cuidar dos seus olhos… um clínico geral pra vc fazer um check up anual para ver se está tudo certo… entre outros… a diabetes pode causar complicações em diversos órgãos e vira e mexe vc tem que passar com especialistas como urologistas, nefrologistas (para cuidar da sua parte urinária e dos rins…), neurologistas para avaliar nervos… (porque a diabetes pode causar algumas neuropatias – perda de sensibilidade em algum nervo), gastroenterologista (para cuidar do fígado), dermatologista (para tratar de diversas doenças de pele que podem atacar o diabético, por conta de secura na pele)… etc, etc…

Eu sei que parece coisa para caramba mas não se desespere, use a internet para se informar mas não dispense as consultas médicas… elas são extremamente importantes. Caso vc queira se informar mais sobre DIABETES aqui no blogue vc pode clicar no link e ler bastantes coisas que eu já postei. Eu falei sobre apps e dieta e um monte de coisas… E tem sites ótimos também como a Sociedade Brasileira de Diabetes… entre outros.

Vou terminando este post por aqui, espero que vcs tenham curtido este post… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Nerdices: Filme Antigo – A Hora do Terror

themidnighthour

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Mais uma sexta-feira crianças… mais um dia que vamos ter dois filmes… isso mesmo… dois filmes no dia. E mais uma vez nosso segundo filme do dia é um filme trash dos anos oitenta…

Vcs repararam que os últimos filmes, especialmente os da segunda postagem… são este estilão de filmes, terror/comédia dos anos 80 e 90. Se vcs não curtirem esse tipo de filmes… podem pular esse post beleza? Eu prometo para vcs que eu não vou ficar magoada… eu entendo que não é todo mundo que curte este tipo de filme hahahahaha.

Então a história do filme é mais ou menos assim… É Halloween na pequena cidade de  Pitchford Cove… e existem uma lenda antiga na cidade sobre a época da caça Às bruxas. No passado A Bruxa Lucinda jogou uma praga na cidade numa noite de Halloween que dizia que naquela noite Lucinda abriu o portal e libertou todos os mortos de suas sepulturas e também todos os demônios do inferno o pastor da cidade Nathaniel Greenville conseguiu derrotar Lucinda e fechar o portal. A bruxa então foi enforcada.

Então, um grupo de adolescentes, que por acaso são descendentes de Nathaniel e de Lucinda resolvem invadir o museu e roubar as roupas originais da bruxa e do pastor. Acontece que junto com as roupas eles levam uns documentos que estão num baú selado com o selo da família Greenville e eles vão pro cemitério e leem o feitiço em voz alta… e todos os mortos se levantam dos seus caixões e saem vagando pela cidade. A princípio ninguém percebe o que está acontecendo porque todo mundo está andando fantasiado pela cidade… eles não sabem quem é gente, quem é morto, quem é demônio. Mas então as coisas começam a ficar estranhas na cidade…

E o único que percebe que as coisas estão estranhas é o tataraneto de Nathaniel Greenville… Phil… e então ele vai ter que quebrar a cabeça para descobrir como desfazer as confusões que a leitura do feitiço no cemitério fez na cidade. No meio dessa confusão toda entretanto, ele conhece Sandy, uma moça muito doce que é nova na cidade. E eu não vou contar o que acontece depois porque eu não quero dar spoiler e vcs se quiserem saber o que acontece vcs vão ter que ver.

Eu estava revendo este filme com meu irmão esses dias e eu dei muita risada porque… quando eles eram crianças eles achavam o filme legal, e ao mesmo tempo eles tinham medo. De novo… não me perguntem exatamente do quê é que eles tinham medo hahahahahaha. E agora, anos depois revendo o filme meu irmão ficava se espantando… e perguntando a todo o instante… o que é que tem a ver o Lobisomem e o vampiro com o dia das bruxas??? E eu… mano, qdo eles leram o feitiço da bruxa eles libertaram também todas as criaturas malignas do inferno. Ainda assim… não faz sentido… Uma coisa que vcs tem que entender, é que não se procura coerência num filme de terror trash dos anos oitenta… vc apenas assiste e se diverte. 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Nerdices: Filme – Victoria & Abdul

Victoria-e-Abdul-banner

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… A semana de vcs foi legal? Espero que sim, mas mesmo que não tenha sido não tem problema porque hoje é sexta e amanhã é sábado e só isso apenas basta para fazer o dia da gente melhor. E sexta aqui no blogue é dia de a gente falar de filme, geralmente falar de filmes que eu assisti e recomendar eles para vcs queridos leitores.

Hoje eu vou falar de um filme que geralmente não é o estilo de filme que eu curto… mas que esse eu achei bem bacana. Vamos falar então de “Victória e Abdul” que é um filme baseado num livro, que por sua vez foi baseado numa história real. Na “amizade” (e mais para frente eu explico para vcs o porque de amizade entre aspas) entre a Rainha Vitória da Inglaterra e um ‘empregado’ indiano/muçulmano chamado Abdul Karim.

Então galera, é um filme de drama, é um filme de época. É a história de uma relação inusitada. Imaginem, uma amizade entre uma pessoa comum, uma pessoa simples e uma das mulheres mais importantes, mais poderosas da época, a Rainha da Inglaterra. Como eu disse é baseado em uma história real, ele foi baseado nos diários do Abdul da vida real. Claro… que Hollywood vai exagerar no drama das coisas, e amenizar toda a política por trás da história toda.

Entonces… bora pra história do filme. O começo do filme mostra como era a vida, o dia a dia da Rainha Vitória, que já estava velhinha e bastante solitária. Mas ainda era uma pessoa dona de dona de suas faculdades mentais… a maravilhosa atriz Judy Dench está perfeita, impecável (eu não consigo encontrar palavras para descrever) como sempre no papel da Rainha. Vale a pena ver o filme apenas pela atuação da atriz. Na época a Índia era parte da Grã-Bretanha… então a rainha era também Imperatriz da Índia. Então um dia… a Índia vai presentear a Rainha com uma moeda importante lá… e a pessoa que iria fazer esta entrega sofre um acidente com um elefante e o Abdul meio que cai de paraquedas na situação. O ator que interpreta Abdul (o indiano Ali Fazal) faz um papel bem bacana, ele interpreta um Abdul bem inocente na tentativa (na maior parte das vezes bem sucedida) de cativar o público.

Acontece que o tal do Abdul não tinha o treinamento adequado para se portar na corte real e na presença da Rainha porque tinha um monte de detalhes… blábláblá… E o momento de destaque é justamente o encontro desses dois personagens. Primeiro, que quando Abdul é instruído a fazer a entrega da moeda para a Rainha… a ele é dito trocentas vezes que ele NÃO PODE OLHAR PARA A RAINHA. E o que é que ele faz quando ele vai entregar a moeda? Ele olha para ela… E essa pequena ousadia dele meio que chama a atenção da Rainha… e ela acha que ele é alto e bonitão e então ela requisita a presença dele para outras atividades… e outras ousadias do rapaz, como ser gentil, conversar com a Rainha e tratá-la como um ser humano bem como a admiração que ele “genuinamente” (pelo menos é essa a imagem que o filme quer passar) sente pela Rainha.

Acontece que a Rainha começa a se aproximar demais de Abdul e isso começa a causar mal estar na corte. Tanto que… todos os poderosos começam a fazer de tudo para desmoralizar Abdul perante a Rainha e afastar a influência do rapaz da velha senhora. Não adianta muita coisa… Mas o incômodo era tanto que depois da morte da Rainha, tudo foi feito para que a passagem de Abdul pela corte e sua proximidade com a Rainha fossem apagados da história. Mais ou menos como os Egípcios faziam quando apagavam o nome de alguém dos seus hieroglifos em suas grandes estátuas e pirâmides e castelos. Como dizem, a história é sempre algo questionável porque ela geralmente é contada pelo lado vencedor. Mas, ao que parece eles não conseguiram apagar completamente a existência de Abdul.

O filme é bem bacana, eu recomendo ele pra caramba, ainda mais se vc curte essa vibe de filme de época e filme histórico. O filme teve duas indicações ao Oscar (o Oscar não rolou ainda, porque eu tô escrevendo este post em Fevereiro, então eu não sei se ele ganhou… entretanto quando este post for publicado já saberemos se ele ganhou alguma coisa) em duas categorias bem técnicas… Maquiagem e Penteado e Figurino. Infelizmente Judy Dench não foi indicada ao Oscar dessa vez por esse papel. Mas enfim, o filme é muito bom!!! Se vcs não assistiram ainda, assistam!!!

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Música: Nina Simone

ninasimone

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Shao, vc sempre tá começando os textos da mesma maneira, vc tá só no CTR+C – CTR+V… Basicamente hahahahaha, eu ando sem tempo de escrever gente e todo o tempo que eu puder economizar, por menor que seja é uma dádiva… pra vcs terem uma ideia eu não tenho tempo ultimamente nem de falar com meus amigos e meus familiares. Tem dias que eu tô tão cansada que eu chego em casa das minhas muitas atividades, eu tomo um banho e apago… tem dias que eu nem vejo meus irmãos chegando da faculdade…

Mas como sempre nem era disso que eu queria falar no post de hoje. Hoje é quinta-feira e quinta é dia de a gente falar de música… e como eu sou velha vamos falar de música velha. Embora algumas das músicas da artista da qual vamos falar hoje sejam bem mais velhas que eu. Mas eu já contei para vcs que eu curto músicas que foram sucesso (ou não) e que são de tempos bem antes de eu existir né? Esse é o caso hoje… Vamos falar de Nina Simone hoje. Se vcs nunca ouviram falar de Nina Simone… hoje é o dia de sorte de vcs!

Nina Simone, que na verdade se chamava Eunice Kathleen Waymon, nasceu nos EUA eu 1933. Nina foi o nome artístico que ela escolheu para cantar blues, fazer seus shows escondida dos pais e da família (Nina – diminutivo de menina em espanhol e Simone – por causa da atriz francesa Simone Signoret) . Seu sonho era ser pianista, e os pais apoiavam sua carreira de pianista e concertista clássica, mas não apoiavam ela ser cantora de blues… Nina era pianista, cantora, compositora e uma grande ativista em seu tempo, sua grande luta era por mais direitos civis aos negros norte-americanos. Nina se aventurava por vários estilos musicais, não apenas a música clássica e o blues, ela também tocava e cantava folk, R&B, música Gospel e música pop.

Apesar do seu talento e de ter cursado piano clássico numa das escolas de música mais prestigiadas do mundo, a escolha Julliard em Nova Iorque, ela foi impedida de dar continuidade aos seus estudos no Instituto de Música Curtis, por causa da crescente onda de racismo que varria os EUA na década de 60. O que apenas intensificou a luta de Nina contra o racismo. Mas isso acabou sendo bom para sua carreira de cantora… emplacando diversos hits como “Don’t Let Me Be Misunderstood”, “Ain’t Got No – I Got Life”, “I Wish I Knew How It Would Feel To Be Free” e “Here Comes The Sun”, “My Baby Just Cares For Me” e a minha favorita “Feeling Good”.

Cada uma das canções estão linkadas com vídeos do You Tube, em suas versões legendadas, eu peço por favor para que se vcs tiverem um tempinho, ouçam cada uma delas prestando atenção nas letras. Nina era uma letrista maravilhosa. Uma verdadeira poetisa que sabia muito bem como usar as palavras… não tem como vc gostar de escrever, de poesia, de literatura e não gostar das letras dessa mulher… Mas hoje é pra falar de música não de literatura. E dona Nina tinha uma voz poderosíssima também.

Então, assim… galera, eu recomendo pra caramba essa cantora, pianista, compositora, poetisa… enfim essa grande artista… Mesmo que vcs não curtam esses estilo de música. Dêem uma chance, porque é um talento só… e merece!!! Nina viveu bastante… teve uma carreira bem longa de grande sucesso. A vida pessoal da cantora entretanto é marcada por diversas controvérsias e histórias de abuso e doenças mentais. Nina tinha um marido abusivo, que maltratava ela e a sua única filha. A filha de Nina (que também se tornou atriz e cantora mais tarde) também sofreu abuso da própria mãe que depois de anos de abuso se tornou depressiva, paranoica, sofrendo de transtorno bipolar e síndrome do pânico. Nina Simone morreu em sua casa, em sua cama, dormindo… aos 70 anos de idade depois de uma longa e árdua batalha de dez anos contra o câncer de mama. 

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Saúde Pública Municipal.

SUS

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Hoje foi um ia extremamente atípico para mim e eu sei que ultimamente eu quase não falo mais sobre meu dia a dia, mas depois das coisas que aconteceram comigo hoje eu achei que seria uma boa ideia abrir uma exceção e voltar às raízes do blogue, quando eu falava mais dos meus dias…

Então bora lá… agora nos Postos de Saúde (ou Unidades Básicas de Saúde – UBS que é como elas se chamam agora em São Paulo) quem é diabético e tem cadastro para pegar o KIT que o governo através do SUS fornece aos diabéticos que precisam tomar insulina, precisa passar também mensalmente com uma Podiatrista (acho que é assim que se chama) que é uma profissional especializada em tratamento e prevenção de pés diabéticos.

Porque caso vcs não sabem a diabetes mata mais de um milhão e meio de pessoas anualmente… no mundo. E dentre essas pessoas com diabetes a grande causa das mortes são causadas por causa de complicações nos membros, especialmente nos pés e pernas… Porque, quando o diabetes não é controlado direitinho, vc pode sofrer de uma coisa chamada neuropatia diabética, que é a perda da sensibilidade em alguns nervos do corpo. Vc perde a sensibilidade dos pés, e vc se machuca e não sente e esse machucado se não tratado pode fazer vc perder um membro e até mesmo a vida… eu já vi casos. Minha vó quase perdeu uma perna… ela teve que fazer enxerto e ficou anos com aquela perna problemática.

Então… mês passado, eu fui buscar o KIT e me informaram que eu teria que passar agora mensalmente nessa consulta com a especialista para avaliar meus pés. O que eu achei bacana. Eu procuro tomar cuidado com meus pés, eu procuro andar com sapatos fechados e confortáveis, eu tento passar um creme neles todas as noites e acima de tudo eu tento manter a glicemia sob controle. E eu tive problemas com meus pés apenas uma vez. Eu me cortei com o barbeador depilando as pernas, bem no comecinho, quando eu tinha acabado de descobrir que eu estava com diabetes.

E esse corte não cicatrizava e inflamou, infeccionou, meu pé inchou, ficou parecendo um pão. Minha amiga então me levou para o hospital, na emergência e lá me encaminharam para uma enfermeira especialista nessas feridas de diabéticos e eu tive que fazer um tratamento de cinco meses para aquele corte fechar. Eu ia lá, ela lavava e esfregava o corte com soro fisiológico e gase até remover toda a sujeira da infecção e sangrar… daí ela colocava uma pomada especial e por cima da pomada ela colocava um adesivo especial que também tinha remédio anti-inflamatório e eu tinha que ficar 7 dias com aquilo, sem deixar molhar nem nada… e voltava para fazer o procedimento toda a semana. Depois de três meses, ela me deu os remédios e disse que eu poderia fazer em casa… e me deu uma aula de como cuidar dos meus pés e também como cuidar de outras feridas caso eu me machucasse.

Mas eu estou me desviando do ponto aqui… o ponto é que eu descobri hoje que eu estou extremamente mau acostumada. Porque eu tenho plano de saúde, todo esse tratamento da minha ferida eu fiz no hospital do meu convênio médico. E hoje eu tive que passar na UBS, no serviço de saúde municipal. Coisa que eu não faço há mais de dez anos… E eu fiquei lá… cerca de uma hora e meia apenas… graças a Deus, foi bem rápido… porque eu estava agendada, e era um procedimento simples. Mas… ainda assim eu fiquei com uma dor no coração de ver todas aquelas pessoas lá… pessoas que dependem do SUS porque não tem outra opção, não tem condições de bancar um plano de saúde privado.

Como cidadã eu me senti triste para caramba… tinham pessoas lá que estavam desde de manhã cedo tentando um encaixe com um médico, esperando para ver se tinha alguma desistência para eles conseguirem uma vaga. Tinham outras pessoas que já tinham suas vagas mas que esperaram meses e que esperariam mais outros meses para um retorno, e tinham pessoas que chegaram para suas consultas mas os exames não tinham ficado prontos…

E como servidora pública eu fiquei também triste porque as condições de trabalho dos funcionários da UBS eram péssimas também. Estava um calor do caramba, o prédio da UBS é extremamente abafado, e estava lotado lá, e a única coisa que tinha para melhorar o calor era um ventilador velho de parede. E os computadores dos funcionários eram umas carroças. E as senhas, as funcionárias tinham que berrar as senhas porque não tinha chamador. Eu geralmente reclamo pra caramba das minhas condições de trabalho, que estão muito aquém do ideal. Mas… eu me esqueço muitas vezes que existem pessoas, servidores públicos como eu que tem condições ainda piores de trabalho.

Eu me lembro que uma das muitas promessas de todos os Prefeitos que passaram pelo poder nos últimos 15 anos desde que eu passei no concurso era de melhorar a saúde para a população e dar melhores condições de trabalho aos servidores. Nada disso aconteceu… chega a ser desesperador sabe… Meu plano de saúde não é o top de linha e de vez em quando eu reclamo pra caramba, mas, comparado ao que eu vi hoje ele é o paraíso na terra. E olha que a UBS daqui do meu bairro é bem bacana, a equipe rala pra caramba apesar das patéticas condições de trabalho… tem outras bem piores. Mas… hoje eu dou graças a Deus de ter condições de pagar um plano de saúde. Porque olha… tá triste a coisa no SUS viu?

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao

 

Desenhos Antigos: He-man

heman

Fala terráqueos como vão vcs??? Espero que vcs estejam bem! Antes de mais nada se vc está lendo este texto no Facebook Clica no link aqui embaixo para ler o texto completo. Eu tô legal… Mais uma vez crianças do meu Brasil (e de fora do Brasil também??? Acho… não sei… vcs me digam) é dia de falarmos de desenho me para variar de desenho velho (é desenho antigo Shao! – As pessoas que trocam o substantivo velho pelo substantivo antigo só estão usando de eufemismos pessoas… velho é velho não importa qual palavra usemos para qualificar o termo).

E hoje vamos falar de um desenho que teve muita longevidade. Ele foi ao ar diversas vezes em diversos anos… e atingiu um grande número de crianças (que hoje já são adultos). Vamos falar um pouquinho do background da animação. Por incrível que pareça… diferentemente da grande maioria dos desenhos animados que são criados e quando eles fazem sucesso eles viram uma linha de brinquedos… Os desenhos do He-Man foi ao contrário. No finalzinho dos anos setenta… a empresa de brinquedos Mattel, recusou um contrato com a Lucas Films para produzir uma linha de brinquedos de Star Wars, a Mattel não acreditou no sucesso da Trilogia e se lascou…

Mas como ela era uma das maiores produtoras de brinquedo da época ela resolveu criar um personagem, um super-herói baseado nos vikings, nos homens antigos e em Conan o Bárbaro. Então… resumindo para um caramba a história… o desenho animado foi criado para divulgar o personagem e vender o brinquedo!!! O desenho animado foi lançado em 83 enquanto que a ideia do brinquedo era do final dos anos setenta. E o desenho do começo dos anos 80 foi um sucesso.

A história do desenho, dos personagens é mais ou menos assim… O Príncipe Adam de Eternia, filho do Rei Randor e da Rainha Marlena (uma terráquea), que governava o Reino de Eternia no planeta do mesmo nome. A Feiticeira do Castelo de Grayskull dotou o Príncipe Adam com o poder de se transformar em He-Man, o que Adam fez, levantando sua Espada do Poder e proclamando: “Pelo poder de Grayskull …” Uma vez que a transformação foi completa, ele continuou “… . Eu tenho a força! “. E então… He-Man e sua turma  vivem diversas aventuras para proteger Eternia e todo o Universo das forças do mal… representadas no desenho pelo personagem do Esqueleto e seus asseclas. O desenho ainda teve mais duas versões… mas que não foram tão bem sucedidas quanto a dos anos oitenta.

Eu particularmente achava o desenho bem legal, uma coisa que tinha nesse desenho animado especificamente que não tem muito nos desenhos de hoje em dia eram lições de moral e ensinamentos bacanas para as crianças. No final do desenho ainda tínhamos um quadro que era “Os Conselhos do He-Man” onde ele ensinava coisas como ‘se alguém te oferecer drogas, não aceite e conte para seus pais, seus professores ou um adulto responsável’ – ‘se um amigo te convida para fazer algo que vc não pode contar para os seus pais, não faça!’. A animação em si não era das melhores, os personagens eram bem caricatos e percebia-se que era um desenho encomendado e qua as coisas tinham sido feitas na correria para atender uma demanda e o roteiro tinha várias falhas cabeludas hahahahaha… mas apesar desses defeitinhos era um desenho bacana pelo lado dos ensinamentos e das lições que ensinava às crianças da época.

Vou terminando este post por aqui… Mas… antes de terminar este post eu vou fazer um pouco de propaganda do meu novo blogue o “Estante da Shao”. Cliquem no link conheçam meu trabalho, meus textos, meus contos, meus poemas. Toda a sexta-feira teremos texto novo e inédito para vcs… Ou um conto ou um poema, ou de repente um trecho de uma história que eu esteja escrevendo. Participe e divulgue esse meu novo projeto se vcs curtirem…

See you guys around the corner
Shao